Salmo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Se procura os textos bíblicos, veja Livro de Salmos.


Como ler uma caixa taxonómicaSalmo
Salmo salar, o salmão do Atlântico

Salmo salar, o salmão do Atlântico
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Salmoniformes
Família: Salmonidae
Subfamília: Salmoninae
Género: Salmo
(Linnaeus, 1758)
Espécie
(ver texto)

Salmo é um género de peixes da família Salmonidae, o qual inclui espécies comuns como o salmão (Salmo salar) e a truta (Salmo trutta). A distribuição natural do género é maioritariamente europeia, com apenas o salmão-atlântico a atingir a América do Norte, já que as espécies de salmão e de truta da bacia do Oceano Pacífico pertencem ao género Oncorhynchus[1] . O nome genérico Salmo deriva do latim salmō (salmão).

Espécies[editar | editar código-fonte]

O número de espécies e subespécies distintas incluídas no género Salmo é controverso, sendo objecto de aceso debate. Apenas o salmão-atlântico e a truta-comum são espécies com larga distribuição geográfica, estando as restantes espécies restritas a bacias hidrográficas isoladas, nas quais são endemismos. Este isolamento fomenta o aparecimento de espécies e subespécies por vezes com fronteiras taxonómicas difíceis de delinear. De acordo com a FishBase existem cerca de 40 espécies validadas no género Salmo[2] :

Referências

  1. Salmo (TSN 161994) (em inglês) . Integrated Taxonomic Information System (www.itis.gov) .
  2. Ed. Froese, Rainer; Pauly, Daniel (Fevereiro de 2012). "Salmo " (em inglês) www.fishbase.org FishBase.