Salomé (irmã de Herodes)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Salomé foi uma irmã de Herodes, o Grande; a famosa dançarina Salomé, mencionada na Bíblia e associada à execução de João Batista, possivelmente era sua bisneta.

Antepassados[editar | editar código-fonte]

Seus pais eram Antípatro e Cipros; Antípatro e Cipros, uma mulher importante da família dos nabateanos [Nota 1] tiveram quatro filhos, Fasael, Herodes, o Grande, José e Pheroras, e uma filha, Salomé.[1] Antípatro, pai de Herodes e Salomé, era de uma família importante de idumeus,[2] e era filho, segundo Flávio Josefo, de Antipas;[3] ou, segundo Jerônimo de Estridão, de Herodes de Ascalão.[4]

Filhos[editar | editar código-fonte]

Salomé teve um filho, Antípatro, que se casou com sua prima, Cipros, filha de Herodes e Mariane, a neta de Hircano.[5] Antípatro e Cipros tiveram uma filha, Cipros.[5]

Flávio Josefo não menciona o nome do pai de Antípatro, o filho de Salomé, mas outra filha de Salomé, Berenice, é citada como filha de Salomé, irmã de Herodes, e de Costobarus.[5] Berenice, filha de Salomé, casou-se com Aristóbulo, filho de Herodes, e teve dois filhos, Herodes (o futuro rei Herodes Agripa I) e Aristóbulo.[5] Herodias, filha de Aristóbulo [5] , e irmã de Herodes Agripa I,[6] foi a mãe da famosa Salomé.[5]

Notas e referências

Notas

  1. Em Josefo, Cypros é dos Arabisus.

Referências

  1. Flávio Josefo, A Guerra dos Judeus, Livro I, Capítulo 8, Alexandre, filho de Aristóbulo, que fugiu de Pompeu, faz uma incursão contra Hircano; mas sendo derrotado por Gabinius, entrega a fortaleza para ele. Depois disto, Aristóbulo escapa de Roma e reúne um exército; mas sendo derrotado pelos romanos, é tradizo de volta a Roma; outros assuntos relacionados a Gabinius, Crasso e Cássio. 9
  2. Flávio Josefo, A Guerra dos Judeus, Livro I, Capítulo 6, Quando Hircano, herdeiro de Alexandre, desistiu de reivindicar a coroa, e Aristóbulo foi feito rei; depois, o mesmo Hircano, através de Antípatro, é trazido de volta por Abetas. Finalmente, Pompeu é escolhido para arbitrar a disputa entre os irmãos, 1 [em linha]
  3. Flávio Josefo, Antiguidades Judaicas, Livro XIV, Capítulo 1, A guerra entre Aristóbulo e Hircano pelo reino, e como eles fizeram um acordo para que Aristóbulo fosse rei e Hircano seguiria uma vida privada, e como Hircano, logo depois, foi convencido por Antípatro a fugir para Aretas, 3 [em linha]
  4. Jerônimo de Estridão, Chronicon [em linha]
  5. a b c d e f Flávio Josefo, Antiguidades Judaicas, Livro XVIII, Capítulo 5, Herodes, o Tetrarca, guerreia contra Aretas, rei da Arábia, e é derrotado por ele. Sobre a morte de João Batista. Como Vitélio foi a Jerusalém. Um relato de Agripa e os descendentes de Herodes, 4 [em linha]
  6. Flávio Josefo, Antiguidades Judaicas, Livro XVIII, Capítulo 6, Sobre a viagem do rei Agripa a Roma, para Tibério César; e como após ser acusado por seus libertos, ele foi preso; como ele, sendo liberto por Caio (Calígula), após a morte de Tibério, foi feito rei da tetrarquia de Filipe, 2 [em linha]