SanGimignano1300

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde março de 2011)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

SanGimignano1300 SanGimignano 1300 é um museu histórico e artístico, situado no centro histórico de San Gimignano.
O Museu foi inaugurado em fevereiro de 2010.

Museu SanGimignano1300
Tipo Histórico - Artesanato
Inauguração 2010
Website SanGimignano1300
Geografia
Localidade San Gimignano, Itália

Via Berignano, n 23 - 53037 - San Gimignano (SI)


Exposição[editar | editar código-fonte]

O museu ocupa uma área de 800 m2. As salas expositivas foram criadas depois do restauro dos locais, que um dia foram o Palácio Gamucci, o Convento das Irmãs de Santa Catarina e o Palácio Ficarelli. A exposição é centrada nos aspectos históricos e artísticos que interessaram San Gimignano no período medieval.


Percurso museal[editar | editar código-fonte]

SanGimignano1300

O percurso museal é dividido em dez galerias expositivas, nas quais estão presentes: aprofundamentos sobre a Via Francigena e sobre as rotas de peregrinação na Idade Média; reconstruções de detalhes da vida citadina e rural, dedicados às artes e as profissões da época; e a imponente reprodução em cerâmica da cidade de San Gimignano no século XIV, feita inteiramente a mão , em escala 1:100. De notável qualidade artística é a releitura, de alguns detalhes, do célebre afresco do início do século XIV do pintor Memmo di Filippuccio, cujo original encontra-se no interior do Palácio do Podestà de San Gimignano.

Testemunhas do tempo

Filippuccio transmitiu-nos um retrato claro e detalhado da sociedade, independente e transgressiva de San Gimignano, tal como Livre Comuna. A reprodução do Convento de São Francisco – o qual encontrava-se fora da muralha de San Gimignano e que foi completamente demolido no século XVI para permitir a ampliação das fortificações da cidade – foi inaugurada em janeiro de 2011. O percurso histórico-didático do museu completa-se com uma série de aquarelas originais, realizadas por Enrico Guerrini, que representam alguns momentos importantes do território e da cidade de San Gimignano na história, da época etrusca aos dias de hoje.



Reconhecimentos[editar | editar código-fonte]

Em 2011, foi concedido ao Museu o patrocínio da Comissão Nacional Italiana da Unesco, pelo elevado e qualificado valor formativo das propostas didáticas “História, Arte e Tradição”.



Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bibliografía[editar | editar código-fonte]