Sancho VI de Navarra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sancho VI de Navarra
Rei de Navarra
Representação do selo de Sancho VI
Governo
Reinado Rei de Navarra e o primeiro a abandonar definitivamente o título de Rei de Pamplona
Dinastia Rei de Navarra e o primeiro a abandonar definitivamente o título de Rei de Pamplona
Vida
Nome completo Sancho VI de Navarra
Nascimento 1132
Morte 27 de Junho de 1194 (62 anos)

Sancho VI de Navarra (1132 - 27 de Junho de 1194), cognominado o Sábio, foi rei de Navarra, o primeiro a abandonar definitivamente o título de Rei de Pamplona para passar a usar o título de rei de Navarra, de 1150 até sua morte.

Biografia[editar | editar código-fonte]

O seu reinado foi caracterizado por constantes confrontos com o Reino de Castela e o Reino de Aragão. Os seus maiores feitos foram a estabilização do reino e a inclusão dele na órbita política europeia. Realizou importantes obras arquitectónicas, tendo sido o fundador de muitos mosteiros cistercienses.

Ele tentou recuperar as fronteiras de seu reino, reduzidas pelos Tratados de Tudilén e de Carrión, os quais foi obrigado a assinar com Castela e Aragão nos primeiros anos de seu reinado. Enfim, pela Paz de Soria, Castela foi confirmada como possuidor das terras conquistadas. Ele era hostil para com Raimundo Berengário IV, conde de Barcelona, mas o filho deste, Afonso II de Aragão, dividiu com ele as terras tomadas do Reino de Múrcia, pelo Tratado de Cazorla, em 1179. Em 1190, os vizinhos assinaram um novo acordo, de proteção mútua, contra a expansão castelhana.

Sancho faleceu aos 62 anos, em Pamplona, e seu corpo foi sepultado na Catedral de Santa Maria.

Relações familiares[editar | editar código-fonte]

Foi filho de García Ramírez de Pamplona (1110 - 1150), rei de Pamplona e de Margarida de L´Aigle (1104 - 25 de Maio de 1141), filha de Gilberto de L´Aigle (1080 - 1120) conde de L´Aigle e de Perche e de Juliana de Perche (1085 -?). Casou em 1153 com Sancha de Castela, infanta de Castela (1137 - 1179) filha de Afonso VII de Castela (1 de Março de 1105 - 21 de Agosto 1157), rei de Castela e de Berengária de Barcelona (1108 - 1149) de quem teve:

  1. Sancho VII de Navarra, (1160 - 1234) rei de Navarra casou com Constança de Toulouse também conhecida como Clemência de Toulouse (1180 - 12 de Maio 1260).
  2. Branca de Navarra (1177 - 1229), rainha de Navarra, casou com Teobaldo III de Champagne[1] (13 de Maio 1179 - 24 de Maio 1201), conde de Troyes e de Meaux.
  3. Ramiro de Navarra (1160 -?), infante de Navarra, Bispo de Pamplona.
  4. Berengaria de Navarra (1165 - 1230), infanta de Navarra casou com Ricardo I de Inglaterra "Ricardo Coração de Leão", rei de Inglaterra (8 de Setembro 1157 - 6 de Abril de 1199).
  5. Fernando de Navarra (? - 16 de Dezembro de 1207) enterrado no Panteão Real de las Huelgas (Burgos).[2]
  6. Constança de Navarra, falecida muito nova.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • História Genealógica da Casa Real Portuguesa, D. António Caetano de Sousa, Atlântida-Livraria Editora, Lda, 2ª Edição, Coimbra, 1946, Tomo I página 41.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Precedido por
Garcia VI
Armas da Casa de Navarra.
Rei de Navarra

25 de Novembro de 1150 - 27 de Junho de 1194
Sucedido por
Sancho VII