Companhia de Saneamento do Paraná

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sanepar)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde março de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Caixa-d'água da Sanepar, no município de Pinhais (Grande Curitiba).

BM&F Bovespa: [1]

O governador do estado Ney Amintas de Barros Braga sancionou a Lei nº4.684. do dia 23 de janeiro de 1963 autorizando o poder executivo a constituir uma sociedade por ações com a denominação social de Companhia de Água e Esgotos do Paraná (AGEPAR) para promover o saneamento básico do Estado. Em 19 de junho de 1964, a lei n° 48.878 alterou o nome da Companhia de Água e Esgotos para Companhia de Saneamento do Paraná.[1] [2] [3]

A Companhia de Saneamento do Paraná - Sanepar - completou 50 anos em 2013 como uma das maiores e mais eficientes do setor de saneamento do País, pronta para ampliar sua participação de mercado e a qualidade de seus serviços. A companhia atende 345 dos 399 municípios do Paraná, além do município de Ponto União, em santa Catarina, e 289 distritos ou localidades de menor porte no estado. Nas regiões em que atua, a empresa atende com água tratada 10,2 milhões de pessoas e, com sistema de esgotamento sanitário, 6,3 milhões de pessoas. A Sanepar presta serviços de fornecimento de água tratada, coleta e tratamento de esgoto sanitário e gerenciamento de resíduos sólidos. A empresa é referência no setor, por aliar eficiência operacional e resultados econômicos a uma sólida política socioambiental. A cobertura da rede de água tratada da Sanepar chega a 100% da área urbana dos 346 municípios e 289 distritos onde está presente. A cobertura com rede de esgoto alcançou 62,1% da área urbana dessas localidades. A empresa está sediada em Curitiba (PR), tem 176 Estações de Tratamento de Água (ETA) e 227 Estações de Tratamento de Esgoto (ETE) estabelecidas em todo o Estado. Conta com 7000 empregados.

A busca da qualidade contínua é uma das principais características da Sanepar. Laboratórios da empresa analisam 1,35 milhão de parâmetros a cada ano, com base na portaria 518 do Ministério da Saúde. Em 2011 foram investidos R$ 44 milhões em testes de qualidade, o que fez com que a Sanepar alcançasse um índice de 100% de conformidade às exigências da portaria.

Composição acionária[editar | editar código-fonte]

O Estado do Paraná é o maior acionista da Sanepar, com 60% do capital votante. Há capital público também nos 39,7% pertencentes ao grupo minoritário Dominó, formado pela Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel), que detém 45% do grupo, pela Daleth (27,5% do grupo Dominó), que reúne fundos de pensão de empresas públicas brasileiras, como BNDES, Copel, Caixa Econômica Federal, Banco Central e Banco do Brasil, e pela empresa brasileira Andrade Gutierrez (27,5% do grupo Dominó). Outros acionistas, como o BRDE e investidores pessoais, tem 0,3% do capital.

Destaques e Premiações[editar | editar código-fonte]

Sanepar representa o Brasil em programa da ONU

O programa Se Ligue na Rede, que promove a ligação do esgoto doméstico na rede de coleta da Sanepar, com grande impacto ambiental, recebeu o Prêmio Caixa Melhores Práticas em Gestão Local, da Caixa Econômica Federal. A Sanepar foi premiada na categoria Trabalho Social no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). O Se Ligue na Rede abrange as experiências de trabalho social desenvolvidas dentro do programa do governo federal, que busca contribuir para a urbanização, regularização, integração dos assentamentos precários e melhoria das condições de vida da população.

Com o prêmio, a Sanepar foi uma das indicadas para representar o Brasil no Best Pratices and Local Leaderships Programme, em Dubai, promovido pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Projeto de revitalização de bacias hidrográficas é premiado

O Ministério do Meio Ambiente, através da Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano, premiou a Sanepar com o primeiro lugar na categoria Educação Ambiental em práticas inovadoras de revitalização das bacias hidrográficas. O projeto premiado foi Educação Socioambiental em Saneamento como Ferramenta para a Revitalização da Bacia do Rio Palmital, Região Metropolitana de Curitiba.

Unidades conquistam Prêmio Nacional de Qualidade em Saneamento

A Sanepar conquistou três novos Prêmios Nacionais de Qualidade em Saneamento – PNQS 2011, com as Unidades Regionais de Cornélio Procópio, Umuarama e Francisco Beltrão. As Unidades de Cornélio Procópio, no Norte do Estado, e de Umuarama, no Noroeste, conquistaram o Nível I do Troféu Bronze. A Unidade de Francisco Beltrão, no Sudoeste, o Nível II do Troféu Prata. A Unidade de Telêmaco Borba não conquistou troféu mas obteve o Certificado de Distinção. Com os três troféus, a Sanepar soma 26 premiações nacionais de qualidade desde 1997.

Curitiba é capital com melhor índice em saneamento

O Instituto Trata Brasil apontou Curitiba como a capital brasileira com o melhor índice de atendimento com água tratada e com coleta e tratamento de esgoto doméstico. O Instituto avaliou os dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento do Ministério das Cidades. No Paraná, todas as cidades com mais de 300 mil habitantes, atendidas pela Sanepar, estão incluídas no ranking das 81 sedes com os melhores indicadores. No índice geral, Curitiba é a 5ª colocada. Maringá está em 7º lugar, Londrina em 10º, Ponta Grossa em 11º e Foz do Iguaçu em 27º, todas atendidas pela Sanepar.

Ações da Sanepar estão entre as mais valorizadas de 2011[editar | editar código-fonte]

O trabalho da Sanepar em 2011 teve o reconhecimento e a confiança da sociedade e dos investidores. As ações preferenciais da companhia tiveram uma valorização de 58,6% em 2011. Foi a 15ª maior alta entre as empresas brasileiras durante o ano e a maior entre as companhias paranaenses com ações na bolsa. Em dezembro do ano passado, a ação preferencial nominativa (PN) da empresa, SAPR4, alcançou R$ 4,63, bem acima dos R$ 2,92 de dezembro de 2010. O desempenho das ações fica ainda mais positivo quando comparado com outros indicadores da economia. Em 2011, o Ibovespa caiu 18%, a inflação subiu 6,5%, o dólar teve valorização de 12,3% e a taxa Selic (taxa referencial de juros) encerrou o ano com variação de 11,6%.

Investimentos[editar | editar código-fonte]

Para manter e ampliar seus sistemas de abastecimento de água e de coleta e tratamento de esgoto, em 2011 a Sanepar investiu R$ 354,2 milhões. No total, 203 cidades receberam esses recursos. Em 63 houve a conclusão de 97 obras e em outras 140 localidades existem 241 projetos em andamento. Olhando à frente, mais 114 obras em 76 municípios tiveram os processos de licitação abertos. Os investimentos foram feitos na modernização e readequação das estações de tratamento de água e esgoto, necessárias para atender ao aumento da demanda por água tratada em todas as regiões do Estado e para preparar a rede de esgotamento sanitário para o expressivo crescimento da cobertura que acontecerá nos próximos anos. Um plano plurianual de investimentos foi desenhado para atender as necessidades de água, esgoto e resíduos sólidos mais prementes do Estado do Paraná. Esse plano será o norte a ser seguido pela empresa nos próximos anos e estão previstos investimentos de R$ 2 bilhões até 2014. As cidades com menos de 50 mil habitantes também serão contempladas com obras da Sanepar. Em dezembro, projetos da empresa garantiram recursos de R$ 260 milhões do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal, para ampliação e instalação de redes de água e esgoto em pequenos municípios paranaenses.

Desempenho Operacional[editar | editar código-fonte]

A eficiência operacional é um dos focos do modelo de gestão da Sanepar. Ao longo dos anos, a Companhia tem alcançado resultados significativos devido ao investimento em sistemas e processos mais eficazes. Desta forma, além de melhorar o seu desempenho econômico-financeiro, a Sanepar amplia a qualidade dos serviços oferecidos à população e consolida sua atuação sustentável.

2,63 milhões de ligações de água[editar | editar código-fonte]

Em 2011 o volume faturado de água foi de 529,3 milhões de metros cúbicos, um aumento de 3,5% em relação ao ano anterior. A empresa fez cerca de 85 mil novas ligações ao longo do ano, para chegar ao fim do ano com um total de 2,63 milhões de ligações de água, um crescimento de 3,3% em relação a 2010.

1,45 milhão de ligações de esgotamento sanitário[editar | editar código-fonte]

A rede de coleta e tratamento de esgoto também continuou se expandindo, e hoje alcança 63,2% da população da área de atuação da Sanepar, índice bem acima da média nacional de 51%. No total, a Sanepar fechou 2011 com 1.459.012 ligações de esgotamento sanitário, o que representa uma população atendida de 6 milhões de pessoas. O número de ligações de esgoto aumentou 6,3% em 2011 na comparação com 2010. O volume faturado de esgoto também cresceu, passando de 306,5 milhões de metros cúbicos para 325 milhões, um aumento de 6%.

Índices de perda de água[editar | editar código-fonte]

Em 2011 o Volume Produzido por Ligação (VPL) alcançou a marca de 709,5 litros/lig/dia (litros por ligação por dia), com incremento de 10,3 litros/lig/dia em relação a 2010, que registrou 699,2 litros/lig/dia, uma alta de 1,5%. Por outro lado, o Volume Micromedido por Ligação (VML) foi de 464,7 litros/lig/dia, uma alta de 0,2% em relação aos 464,0 litros/lig/dia registrados em 2010. Em 2011 a Sanepar atingiu o IPL de 244,8 litros/lig/dia, um acréscimo em relação aos 235,1 litros/lig/dia, devido principalmente a avarias provocadas por fenômenos meteorológicos imprevistos. A Sanepar, apesar desse acréscimo, continua tendo um dos melhores índices de IPL do Brasil. Um IPL reduzido gera economia e aumenta a rentabilidade da empresa, bem como reduz o impacto ambiental, pois diminui a necessidade de captações novas e de tratamento e aumenta o volume entregue aos consumidores. A Sanepar diminuiu suas perdas em 106 bilhões de litros de água entre 2007 e 2011. A água economizada é suficiente para atender mais de 1,8 milhão de pessoas durante um ano. Os resultados foram obtidos graças à melhoria contínua nos processos operacionais.

Água de qualidade, menos gastos com procedimentos médicos[editar | editar código-fonte]

A Sanepar sabe que para cada real investido em qualidade de água distribuída à população são economizados até cinco reais com procedimentos médicos. Consciente de seu papel para a saúde da população, a Sanepar trabalha diuturnamente para entregar água de qualidade, pronta para o consumo. Em 2011, a empresa superou a meta dos índices de conformidade da Portaria 518 do Ministério da Saúde, que estabelece os padrões mínimos de qualidade para a água distribuída pelas empresas do setor. Durante o ano foram realizadas, mensalmente, 1,35 milhão de análises de água pela Sanepar. As análises são feitas nas 176 estações de tratamento, nos 891 poços e nos laboratórios instalados em Cascavel, Curitiba, Londrina e Maringá, a um custo anual de R$ 44 milhões. Enquanto nas estações de tratamento as análises são feitas de hora em hora, noite e dia, inclusive fins de semanas e feriados, nos poços e laboratórios as análises são feitas de acordo com a periodicidade fixada pela Portaria 518.

Índice de Tratamento do Esgoto Coletado[editar | editar código-fonte]

A Sanepar apresentou em 2011 um elevado índice de tratamento e destinação adequada do esgoto coletado, de 99,4%. O Índice de Conformidade do Esgoto Tratado (ICE) alcançou a média de 91,6%, acima da meta de 90%. O volume de lodo removido nas ETEs da Sanepar chegou a 431.540 metros cúbicos.

Relações com a Comunidade[editar | editar código-fonte]

A Sanepar leva saúde a mais de nove milhões de pessoas. A água de qualidade que a Sanepar entrega é fundamental para a qualidade de vida dessa população. Para reforçar esse importante papel social, em 2011 a Sanepar investiu na aproximação com a comunidade paranaense. A empresa reestruturou sua Ouvidoria, abriu novas Centrais de Relacionamento, promoveu ações de treinamento para qualificar o atendimento à população e participou de feiras e eventos comunitários.

Rede de Ouvidorias no Paraná[editar | editar código-fonte]

Em 2011, a Sanepar deu início à implantação da sua rede de Ouvidorias nas cidades pólo do Paraná, para ampliar o atendimento aos clientes de todas as regiões do Estado. Além de Curitiba, que já sedia a estrutura da Ouvidoria, receberão unidades de Ouvidoria as cidades sedes das gerências gerais, localizadas em Londrina, Ponta Grossa, Maringá e Cascavel. A rede foi desenhada para atender todas as 19 regiões de atuação da Sanepar, oferecendo um canal direto de comunicação a mais de 9 milhões de paranaenses. Em média, a Ouvidoria atende 6 mil clientes por ano. As solicitações são enviadas para os administradores do processo para subsidiar seus atos de gerenciamento. Também foi feito um treinamento para padronizar o atendimento ao público nas 529 Centrais de Relacionamento da Sanepar no Paraná.

Ver também[editar | editar código-fonte]


Referências

  • RELATÓRIO ANUAL DE ADMINISTRAÇÃO E DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS



Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.
  • Diálogo - Ano 29 - Nº358 - Fevereiro de 2008