Sansão e Dalila (minissérie)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sansão e Dalila
Samson and Delilah (Título Internacional)[1]
Sansón y Dalila (ES)

Informação geral
Formato Minissérie
Criador(es) Gustavo Reiz
País de origem  Brasil
Idioma original (em português)
Produção
Diretor(es) João Camargo
Elenco Fernando Pavão
Mel Lisboa
Rafaela Mandelli
Cláudio Gabriel
Milhem Cortaz
Thaís Fersoza
Joana Balaguer
Nina de Pádua
Itala Nandi
Lu Grimaldi
Karen Junqueira
Luli Miller
Valéria Alencar
ver mais
Exibição
Emissora de
televisão original
Brasil Rede Record
Transmissão original 4 de janeiro de 2011 - 2 de fevereiro de 2011
N.º de episódios 18
Cronologia
Último
Último
A História de Ester
Rei Davi
Próximo
Próximo

Sansão e Dalila é uma minissérie brasileira que foi produzida e exibida pela Rede Record de 4 de janeiro de 2011[2] [3] a 2 de fevereiro de 2011. A minissérie é baseada na história bíblica do Livro de Juízes. O roteiro foi escrito por Gustavo Reiz, sob a direção geral de João Camargo.

Teve no elenco Fernando Pavão, Mel Lisboa, Rafaela Mandelli, Cláudio Gabriel, Milhem Cortaz, Thaís Fersoza, Joana Balaguer, Nina de Pádua, Itala Nandi, Lu Grimaldi, Karen Junqueira, Luli Miller e Valéria Alencar.

Boa parte da história foi gravada na cidade de Madre de Deus de Minas, Minas Gerais, em Niterói e também no Nordeste do Brasil. Além disso a minissérie possui uma cidade cenográfica no complexo de estúdios Recnov na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. O investimento soma mais de 12 milhões de reais.[4]

Foi reprisada entre 01 de janeiro e de 29 de janeiro de 2013. Nos Estados Unidos a minissérie foi exibida em espanhol a partir de 25 de junho de 2013 no canal MundoFox com o titulo "Sansón y Dalila", e ao finalizar sua exibição foi substituído por José do Egito.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Genipabu, no Rio Grande do Norte, uma das locações da minissérie.[5]

Baseado na história bíblica, Sansão e Dalila contara a história de Sansão, israelita, líder do povo hebreus, dotado de grande força, inimigo dos filisteus, sendo traído por Dalila, por quem se apaixona, a mesma descobre o poder de seus cabelos e o entrega ao inimigos filisteus.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Mel Lisboa interpretou a protagonista Dalila.
Milhem Cortaz interpretou o antagonista Abbas.
Lu Grimaldi interpretou Zilá.
Ator Personagem
Fernando Pavão Sansão
Mel Lisboa Dalila
Thaís Fersoza Samara
Milhem Cortaz Abbas
Rafaela Mandelli Ieda
Marcelo Escorel Príncipe Ínarus
Miguel Thiré Faruk
Karen Junqueira Taís
Lu Grimaldi Zilá
Cláudio Gabriel Éber
Luiza Curvo Myra
Juliana Lohmann Judi
Rogério Fróes Ailã
Roberto Pirillo Simas
Ittala Nandi Zaira Herviláq
Leandro Léo Cário
Nina de Pádua Agar
Emilio Dantas Aron/Norá
João Vitti Mensageiro/Andarilho
Noemi Gerbelli Ama
Roberto Frota Manoá
Valéria Alencar Hannah
Lívia Rossi Ayla
Luli Miller Jana
Camilo Bevilacqua Rudju
Felipe Cardoso Jidafe
Joana Balaguer Yunet
Luiz Nicolau Bak
Cássio Ramos Alexis
Rodrigo Costa Gadi
Ator [carece de fontes?] Personagem[carece de fontes?]
John Patrick Sansão (criança)
Cibele Larrama Mãe de Jidafe

Recepção[editar | editar código-fonte]

Audiência[editar | editar código-fonte]

A minissérie marcou uma média de 12 pontos no IBOPE da Grande São Paulo em sua estreia.[6] A História de Ester, outra minissérie bíblica produzida pela Record, também havia marcado 12 pontos em sua estreia.[6] Durante a exibição do primeiro capítulo de Sansão e Dalila, a Record ficou isolada em segundo lugar, registrando 20% de share (percentual de televisores sintonizados no canal).[6]

No IBOPE da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, a trama marcou uma média de 16 pontos, ficando apenas quatro pontos atrás da Rede Globo, que marcou 20 pontos no horário.[6] O capítulo de estreia também atingiu pico de 19 pontos e share de 30% na região.[7]

O episódio exibido no dia 20 de janeiro marcou uma média de 14 pontos e 26% de share no IBOPE da Grande São Paulo. Enquanto isso, a Rede Globo, que exibia o Jornal da Globo, marcou uma média de 13 pontos.[8]

O episódio exibido no dia 1 de fevereiro, registrou recorde de audiência de acordo com dados consolidados do IBOPE da Grande São Paulo, das 23h21 às 00h20, a atração marcou média de 15 pontos no Ibope com pico de 17 pontos. A produção conquistou o segundo lugar isolado no ranking de audiência.[9]

Críticas[editar | editar código-fonte]

A jornalista Patrícia Kogut, em seu blogue na Globo.com, comentou que a minissérie traz "um Sansão fraco mesmo de cabelos compridos", completando que o autor "desperdiçou esse ouro em pó para pulverizá-lo em inúmeras tramas paralelas desimportantes". Kogut elogia a produção da trama, enfatizando as locações, os figurinos e os cenários. No entanto, de acordo com ela, "nem tanto investimento salvou o programa de um eventual amadorismo, principalmente nas cenas de luta, quase cômicas". A jornalista chegou a comparar a trama com a da Trilogia Caminhos do Coração: "impossível não lembrar de Os Mutantes, com guerreiros sendo jogados bem para o alto, em efeitos especiais ridículos". Para ela, "a águia do início e o mensageiro de Deus envolto em luz intensa também foram momentos constrangedores. No terceiro episódio, a luta de Sansão com um leão foi uma decepção". Ela encerrou dizendo que "Sansão e Dalila da Record, diferentemente da história da Bíblia, não tem muita graça. Pena".[10]

Já para a coluna Famosidades, do MSN Brasil, Sansão e Dalila "bateu todas as expectativas". De acordo com a coluna, "a produção é muito boa, a dedicação do canal em acertar é grande e visível e o desempenho do elenco impressionou". "Mel Lisboa voltou com tudo à telinha como a sensual Dalila, e Fernando Pavão – confesso! – surpreendeu a coluna de uma forma positiva", completou.[11]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Resultado
2011 Prêmio Extra Melhor série Indicado[12]

Notas

Referências

  1. Samson and Delilah. Record TV Network. Página visitada em 6 de julho de 2014.
  2. Record aposta em 'Sansão e Dalila' - Diário do Grande ABC. www.dgabc.com.br. Página visitada em 15 de maio de 2012.
  3. Minissérie 'Sansão e Dalila' estreia amanhã na Record - cultura - geral - Estadão. www.estadao.com.br. Página visitada em 15 de maio de 2012.
  4. Serie Sansão e Dalila terá cidade cenográfica. www.patiogospel.com.br. Página visitada em 15 de maio de 2012.
  5. Mel Lisboa anda em dromedário para gravar "Sansão e Dalila" - 24/09/2010 - Da Redação. televisao.uol.com.br. Página visitada em 15 de maio de 2012.
  6. a b c d R7. "Sansão e Dalila rendeu mesma audiência de “A História de Ester”". Clica Piauí. 5 de janeiro de 2011
  7. 'Sansão e Dalila' não decepciona os fãs da famosa história - Telinha - Extra Online. extra.globo.com. Página visitada em 15 de maio de 2012.
  8. "Sansão e Dalila" garante primeiro lugar no Ibope - Notícias - Famosidades - MSN Entretenimento. entretenimento.br.msn.com. Página visitada em 15 de maio de 2012.
  9. Minissérie "Sansão e Dalila" registra melhor audiência desde a estreia - NaTelinha. natelinha.uol.com.br. Página visitada em 15 de maio de 2012.
  10. CRÍTICA/‘Sansão e Dalila’: Um Sansão fraco mesmo de cabelos compridos. Patrícia Kogut. Página visitada em 9 de janeiro de 2011.
  11. Sobe e Desce: Confira os melhores e piores da semana - 2 - Notícias - Famosidades - MSN Entretenimento. entretenimento.br.msn.com. Página visitada em 15 de maio de 2012.
  12. Redação Extra Online (29 de novembro de 2011). Prêmio Extra de TV: ‘Tapas & beijos’ ganha como Melhor Série. Extra Online. Página visitada em 29 de novembro de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]