Santa Maria da Boa Vista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Santa Maria da Boa Vista
"Boa Vista"
Bandeira de Santa Maria da Boa Vista
Brasão desconhecido
Bandeira Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 7 de junho de 1872
Fundação coronel Francisco Jácome de Carvalho
Gentílico boavistano
Prefeito(a) Eliane Costa (PSL)
(2013–2016)
Localização
Localização de Santa Maria da Boa Vista
Localização de Santa Maria da Boa Vista em Pernambuco
Santa Maria da Boa Vista está localizado em: Brasil
Santa Maria da Boa Vista
Localização de Santa Maria da Boa Vista no Brasil
08° 48' 32" S 39° 49' 30" O08° 48' 32" S 39° 49' 30" O
Unidade federativa  Pernambuco
Mesorregião São Francisco Pernambucano IBGE/2008[1]
Microrregião Petrolina IBGE/2008[1]
Região metropolitana Região Administrativa Integrada de Desenvolvimento do Polo Petrolina e Juazeiro
Municípios limítrofes Lagoa Grande, Parnamirim, Orocó, Petrolina e o Estado da Bahia (Rio São Francisco)
Distância até a capital 611 km
Características geográficas
Área 3 001,168 km² [2]
População 40 908 hab. IBGE/2013[3]
Densidade 13,63 hab./km²
Altitude 361 m
Clima Semiárido BSh
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,590 (PE: 104°) – baixo PNUD/2010[4]
PIB R$ 264 285 mil (PE: 43°) – IBGE/2011[5]
PIB per capita R$ 6 668 98 IBGE/2011[5]
Página oficial
Prefeitura Prefeitura de Santa Maria da Boa Vista‎

Santa Maria da Boa Vista é um município brasileiro do estado de Pernambuco. Distante 611 km da Capital Recife. Faz parte da Região Administrativa Integrada de Desenvolvimento do Polo Petrolina e Juazeiro e tem o nono maior PIB do Sertão de Pernambuco, atrás apenas de Ouricuri, Floresta, Serra Talhada, Araripina, Arcoverde, Salgueiro, Petrolândia e Petrolina.[6]

História[editar | editar código-fonte]

Entre a Serra e o Rio, nasceu o Povoado da Igreja Nova. Fruto da colonização das Ilhas do Rio São Francisco, região povoado pelos Índios Cariris, catequizados pelos missionários Franciscanos.

Em 30 de janeiro de 1762, o Povoado passou a ser Distrito e recebeu o Predicamento de Vila em 19 de abril de 1838, sendo legalmente extinta em 1862.

O Desbravador do Sertão Garcia D’Ávila, fidalgo nascido na região em 1680, chamou a Vila de Caminho do Gado, e em 07 de junho de 1872, com a sua restauração, recebeu o nome de Coripós, denominação dada pelos índios Kiripós, Caripós e Coripós que aqui habitavam. O nome refere-se ao peixe extraído das locas das pedras submersas nas águas turvas do Velho Chico.

Com as inundações de 1792, as missões Franciscanas existentes na região do Rio São Francisco foram transferidas para fazendas existentes na Vila Coripós. Com o acréscimo na população, em 07 de junho de 1872, o Coronel Francisco Jácome de Carvalho(primeiro prefeito da cidade) fundou Santa Maria da Boa Vista. E em 31 de dezembro de 1943, pelo Decreto Lei Estadual n° 952, Coripós passa a se chamar Santa Maria da Boa Vista.

1918 - É iniciada a construção do prédio do Mercado Público beneficiando o comércio local;

1930 - A infra-estrutura urbana tomou impulso quando a cidade foi beneficiada por iluminação gerada por uma caldeira à lenha, seis anos depois foi substituída por uma outra a diesel;

1966 - a cidade recebeu fornecimento energético do sistema CHESF;

1971 - Chegou o telefone na cidade, porém desde 1894 a cidade era ligada por um cabo telegráfico "Poste Grande" com a Bahia;

1978 - Chegam os primeiros sinais de televisão;

1981 – A cidade é integrada ao sistema DDD - Discagem Direta à Distância.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a 08º48'28" de latitude sul e 39º49'32" de longitude oeste, a uma altitude de 361 metros.

Limites[editar | editar código-fonte]

Noroeste: Santa Cruz Norte: Parnamirim Nordeste: Orocó e Parnamirim
Oeste: Lagoa Grande Rosa de los vientos.svg Leste: Orocó
Sudoeste: Estado da Bahia Sul: Estado da Bahia Sudeste: Estado da Bahia

[7]

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

O município encontra-se na bacia do rio São Francisco, e do rio Pontal. [8]

Clima[editar | editar código-fonte]

Gráfico climático para Santa Maria da Boa Vista
J F M A M J J A S O N D
 
 
47
 
31
22
 
 
71
 
31
22
 
 
126
 
31
21
 
 
71
 
31
21
 
 
58
 
30
21
 
 
48
 
29
20
 
 
47
 
30
20
 
 
30
 
30
19
 
 
23
 
32
21
 
 
13
 
34
22
 
 
47
 
35
22
 
 
53
 
33
22
Temperaturas em °CPrecipitações em mm
Fonte: Jornal do Tempo

O município tem o clima semiárido, do tipo BSh. Os verões são quentes e úmidos, é neste período em que praticamente quase toda chuva do ano cai. Os invernos são mornos e secos, com a diminuição de chuvas; as mínimas dificilmente caem para menos de 15°C. As primaveras são muito quentes e secas, com temperaturas muito altas, que em que algumas ocasiões podem chegar a mais de 40°C.

Subdivisões[editar | editar código-fonte]

Distritos[editar | editar código-fonte]

  • Sede
  • Jutaí [9]

Bairros[editar | editar código-fonte]

  • Agamenon Magalhães
  • Agrovila
  • Centro
  • Cohab
  • João Paulo II
  • José Lutosa
  • Mandacaru
  • Paulo Guerra
  • Planalto
  • Santa Luzia
  • São Paulo Guerra
  • Vila Milano [10]

Povoados[editar | editar código-fonte]

  • Caraíbas,
  • Inhanhum,
  • Açude do Saco II
  • Lagoa Grande
  • Vermelhos
  • Cupira
  • Núcleo Milano [11]

Relevo[editar | editar código-fonte]

O município localiza-se na unidade ambiental da Depressão Sertaneja, com relevo suave a ondulado. [12]

Vegetação[editar | editar código-fonte]

A vegetação predominante é a caatinga, com espécies floresta hiperxerófila, com trechos de floresta caducifólia.[13]

Solo[editar | editar código-fonte]

Em relação aos solos, nos Patamares Compridos e Baixas Vertentes do relevo suave ondulado ocorrem os Planossolos, mal drenados, fertilidade natural m édia problemas de sais; Topos e Altas Vertentes, os solos Brunos não Cálcicos, rasos e fertilidade natural alta; Topos e Altas Vertentes do relevo ondulado ocorrem os Podzólicos,drenados e fertilidade natural média e as Elevações Residuais com os solos Litólicos, rasos, pedregosos e fertilidade natural média. [14]

Geologia[editar | editar código-fonte]

O município de Santa Maria da Boa Vista é constituída pelos seguintes litotipos: Gnáissico-migmatítico, Sobradinho-Remanso, e Riacho Seco, dos gnaisses Arapuá, Bangê e Bogó, do Complexo Saúde, dos Granitóidessin e póstectônicos. [15]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Segundo o censo 2013 do IBGE, Santa Maria da Boa Vista possui uma população de 40.908 habitantes, distribuídos numa área de 3.001,179 km², tendo assim, uma densidade demográfica de 13,14 hab/km². [16]

Política[editar | editar código-fonte]

O poder executivo do município é exercido por Eliane Costa, do partido PSL. [17]

Economia[editar | editar código-fonte]

Segundo dados sobre o produto interno bruto dos municípios, divulgado pelo IBGE referente ao ano de 2011, a soma das riquezas produzidos no município é de 264.285 milhões de reais (43° maior do estado). Sendo o setor de serviços o mais mais representativo na economia boavistana, somando 149.159 milhões. Já os setores industrial e da agricultura representam 38.793 milhões e 64.841 milhões, respectivamente. O PIB per capita do município está entre os menores do Estado e da sua região, com apenas 6.668,98 mil reais (52° maior do estado). [18]

Energia solar[editar | editar código-fonte]

No final de 2013, o então governador de Pernambuco, Eduardo Campos, realizou o primeiro leilão de energia solar no Brasil. Na ocasião, cinco empresas venceram, entre elas empresas do Brasil, Alemanha, Espanha, China e Itália. O contratado foi de 122,82 megawatts de energia proveniente da luz solar, o que equivale a seis vezes o que se foi produzido no país naquele ano. O preço médio da energia foi negociado a R$ 228,63. Cinco municípios pernambucanos sediarão as empresas vencedoras, entre eles o município de Santa Maria da Boa Vista. A escolha dos municípios para sediar os empreendimentos foi favorecido pela abundância de luz na região, já que a estação chuvosa do oeste pernambucano só dura pouco mais de três meses, com menos de 800 mm/ano. [19] [20]

Estrutura[editar | editar código-fonte]

Educação[editar | editar código-fonte]

A cidade conta com uma unidade de escola estadual com ensino integral e mais quatro públicas. [21] São elas:

  • Escola de Referência em Ensino Médio Professora Edite Matos
  • Escola Pau Brasil
  • Escola Pe. Maurilo Sampaio
  • Escola Prof. Agamenon Magalhães
  • Escola Profª Judith Gomes de Barros

Saúde[editar | editar código-fonte]

A cidade conta com dezessete estabelecimentos de saúde, sendo quinze deles públicos municipais e dois privados. [22]

Transportes[editar | editar código-fonte]

O município é cortado pela BR-428, rodovia Nilo Coelho, que tem início em Cabrobó e término em Petrolina. A população conta com o Aeroporto de Petrolina, estando a pouco mais de 110 km de distância. [23]

Comunicação[editar | editar código-fonte]

O município recebe o sinal de TV do município de Petrolina.

Cultura[editar | editar código-fonte]

Turismo[editar | editar código-fonte]

Rio São Francisco[editar | editar código-fonte]

O município é margeado pelo rio São Francisco, onde os turistas que visitam a região podem encontrar mirantes naturais.

Ilhas do São Francisco[editar | editar código-fonte]

O trecho de rio que passa na localidade contém vários arquipélagos fluviais, formado pelas ilhas da Lua, Saco, Coqueiral, Cajueiro, Missões, Sol, Pequena, e do Canavial. Complementa, ainda, o contorno das ilhas, vários afloramentos rochosos, que são utilizados por aves ribeirinhas para descanso e pequenas ilhotas primitivas. [24]

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa Populacional 2013. Censo Populacional 2013. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (outubro de 2013). Página visitada em 23 de outubro de 2013.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 01 de outubro de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2011. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 17 dez. 2013.
  6. [1]
  7. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  8. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  9. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  10. http://www.telelistas.net/pe/santa+maria+da+boa+vista
  11. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  12. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  13. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  14. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  15. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  16. http://cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?lang=&codmun=261260&search=pernambuco%7Csanta-maria-da-boa-vista
  17. http://cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?lang=&codmun=261260&search=pernambuco%7Csanta-maria-da-boa-vista
  18. http://cidades.ibge.gov.br/xtras/temas.php?lang=&codmun=261260&idtema=125&search=pernambucosanta-maria-da-boa-vistaproduto-interno-bruto-dos-municipios-2011
  19. http://educacao.uol.com.br/disciplinas/geografia/tropical-semiarido-o-clima-do-sertao.htm
  20. http://g1.globo.com/pernambuco/noticia/2013/12/pernambuco-faz-1-leilao-do-brasil-de-energia-solar-e-contrata-5-empresas.html
  21. http://www.educacao.pe.gov.br/portal/upload/galeria/4324/rel_escolas_gre_mediosaofrancisco.pdf
  22. http://www.uniregistro.com.br/cidades-do-brasil/pernambuco/santamariadaboavista/
  23. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/SMDB137.pdf
  24. http://www.prefeituraboavista.pe.gov.br/portal1/municipio/ponto_turistico.asp?iIdMun=100126147

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Pernambuco é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.