Santa Maria della Concezione dei Cappuccini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Capela dos ossos
Capela dos ossos

Santa Maria della Concezione dei Cappuccini, ou Nossa Senhora da Conceição dos Capuchinhos, é uma igreja em Roma, Itália, encomendada pelo Papa Urbano VIII, cujo irmão, Antonio Marcello Barberini, era um frei capuchinho. Está localizada a Via Veneto, perto da Piazza Barberini.

O Arcanjo Miguel, pintado por Guido Reni.

A cripta está localizada embaixo da Santa Maria della Concezione, uma igreja encomendada pelo Papa Urbano VIII em 1626. O irmão do Papa, Cardeal Antonio Marcello Barberini, que era da ordem dos Capuchinhos, ordenou, em 1631, que os restos de milhares de freis Capuchinhos fossem exumados e tranferidos para a cripta. Os ossos foram colocados ao longo das paredes e os freis começaram também a enterrar seus próprios mortos lá, bem como os corpos de Romanos pobres, cujas tumbas ficavam embaixo do chão da atual capela das Missas.

A cripta, ou ossário, contem agora os restos de 4.000 freis enterrados entre 1500-1870, um tempo no qual a Igreja Católica permitia enterros embaixo e dentro de igrejas. A cripta subterrânea é dividida em cinco capelas e os ossos são dispostos de forma elaborada, tranformando o espaço em uma macabra obra de arte. Alguns esqueletos estão intactos e ainda vestidos em hábitos franciscanos.

Uma placa em uma das capelas diz em três línguas: "O que você é agora, nós um dia fomos; o que somos agora, você será um dia.". Este é um memento mori.

A igreja foi constrída entre 1626 e 1631 e contem obras de artistas famosos como Guido Reni, Gherardo delle Notti, Mario Balassi, Lanfranco, Domenichino, Baccio Ciarpi, Sacchi, Rusconi, Andrea Camassei, Girolamo Muziano, Alessandro Turchi e Pietro da Cortona.

Vários autores renomados visitaram a cripta e deixaram por escrito suas impressões. O Marquês de Sade a visitou em 1775; Mark Twain, no verão de 1867. Nathaniel Hawthorne descreve a cripta em seu romance O Fauno de Mármore.

Ver também[editar | editar código-fonte]