Santana (Porto Alegre)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Santana
—  Bairro do Brasil  —
Santana Porto Alegre.JPG
Município Porto Alegre
Área
 - Total 149 hectares
População
 - Total 21,221 hab (2 000)
9,148 homens
12,073 mulheres
    • Densidade 142,42 hab/ha/km2 
Taxa de crescimento (-) 1,2% (de 1991 a 2000)
Domicílios 8.299
Rendimento médio mensal 13,93 salários mínimos
Fonte: Não disponível

Santana é um bairro da cidade brasileira de Porto Alegre, capital do estado do Rio Grande do Sul. Foi criado pela Lei 2022 de 7 de dezembro de 1959.

História[1] [editar | editar código-fonte]

O bairro recebeu este nome em homenagem à sesmaria de Santa Ana, área que Jerônimo de Ornelas ocupou ao vir para Porto Alegre, no século XVIII. Devido às frequentes inundações do arroio do Sabão, o bairro era pouco atraente para habitação, e nele moravam muitas famílias negras de baixo poder aquisitivo. No final do século XIX, a rua principal do Santana era a Rua dos Pretos Forros, que passou a se chamar 28 de Setembro a partir de 1871, em alusão à promulgação da Lei do Ventre Livre. A partir de 1885, passou a ser Rua Santana, como permanece até hoje.

O desenvolvimento do bairro ocorreu após a Guerra dos Farrapos. Em 1865, o então governador da província, o conde da Boa Vista, abriu uma via pública com seu nome, que possibilitou a instalação do prado da Boa Vista, valorizando a região.

A partir do século XIX, a urbanização de Porto Alegre trouxe ao bairro Santana a construção de uma ponte, a ampliação das ruas e a circulação da companhia de bondes Carris. Em 1931, foi construída a paróquia São Francisco de Assis.oi blz meu meu mome e joao blindzer da silva

Características atuais[editar | editar código-fonte]

O Santana é considerado um bairro residencial de classe média e heterogênea, que possui um comércio de pequeno porte, contando com bares e casas noturnas.

Pontos de referência[editar | editar código-fonte]

Áreas verdes
  • Largo Doutor Roberto Pinto Ribeiro
  • Praça Albert Sabin
  • Praça Carlos Santos
  • Praça Dr. Júlio Aragão Bozano
  • Praça Isaac Ainhorn
  • Praça Jaime Telles
  • Praça João Belém
  • Praça Major Joaquim de Queiroz
  • Praça Piratini (parte desta)
Educação
Serviço público
Outros

Galeria[editar | editar código-fonte]

Limites atuais[editar | editar código-fonte]

Avenida João Pessoa, da esquina da Rua Venâncio Aires até o ponto de convergência entre aquela radial e a Avenida Bento Gonçalves; desta, até a Rua Veador Porto; desta, por toda a sua extensão, até encontrar a Avenida Ipiranga; desta, seguindo na direção leste/oeste, até a Rua Ramiro Barcelos; desta, até a esquina com a Avenida Protásio Alves; por esta, na direção leste/oeste, até a Avenida Venâncio Aires; e, desta até encontrar a Avenida João Pessoa.

Seus bairros vizinhos são: Azenha, Farroupilha, Santo Antônio, Partenon e Santa Cecília.

Moradores famosos[editar | editar código-fonte]

Referências

Referências bibliográficas[editar | editar código-fonte]

  • FRANCO, Sérgio da Costa. Porto Alegre: Guia Histórico. Porto Alegre: Editora da Universidade/UFRGS, 1992
  • GUTERRES, Liliane Stanisçuaski. Memória do carnaval do bairro Santana. Porto Alegre: Unidade Editorial da Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre, 2004
  • SANHUDO, Ary Veiga. Porto Alegre, crônicas da minha cidade. Porto Alegre: Ed. Sulinas, 1961

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Santana (Porto Alegre)