Santo Ildefonso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Portugal Santo Ildefonso  
—  freguesia portuguesa extinta  —
Igreja de Santo Ildefonso
Igreja de Santo Ildefonso
Brasão de armas de Santo Ildefonso
Brasão de armas
LocalFregPorto-SantoIldefonso.svg
Concelho primitivo Porto
Concelho (s) atual (is) Porto
Freguesia (s) atual (is) Cedofeita, Santo Ildefonso, Sé, Miragaia, São Nicolau e Vitória
Extinção 2013
Área
 - Total 1,28 km²
População (2011[1] )
 - Total 9 029
    • Densidade 7 053,9/km2 
Orago Santo Ildefonso

Santo Ildefonso é uma antiga freguesia portuguesa do concelho do Porto que, pela Lei n.º 11-A/2013 de 28 de janeiro,[2] foi integrada na União das Freguesias de Cedofeita, Santo Ildefonso, Sé, Miragaia, São Nicolau e Vitória.

Situada bem no centro do Porto, existiu aqui uma capela antiquíssima, derrubada após a implantação da República: a Capela dos Reis Magos, ou dos Gaiteiros (junto ao actual Teatro Nacional de São João). Nela se fazia uma grande festa de gaitas de foles, onde acorriam milhares de gaiteiros,ainda no princípio do século XX.

Arruamentos[editar | editar código-fonte]

A antiga freguesia de Santo Ildefonso contém 104 arruamentos. São eles:

1Partilhada com a freguesia do Bonfim.

²Partilhada com a freguesia da .

³Partilhada com a freguesia de Paranhos.

4Partilhada com a freguesia da Cedofeita.

5Partilhada com a freguesia da Vitória.

Referências

  1. População residente, segundo a dimensão dos lugares, população isolada, embarcada, corpo diplomático e sexo, por idade (ano a ano) (em português) Instituto Nacional de Estatística. Página visitada em 22 de Março de 2014. Cópia arquivada em 4 de Dezembro de 2013. "Informação no separador "Q601_Norte""
  2. Diário da República, 1.ª Série, n.º 19, Lei n.º 11-A/2013 de 28 de janeiro (Reorganização administrativa do território das freguesias). Acedido a 2 de janeiro de 2014.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Santo Ildefonso