Sapo-cururu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


O nome cururu é originário da língua tupi, onde kuru'ru é a designação popular dada aos grandes sapos do gênero Rhinella.[1] Entre as espécies conhecidas por esse nome estão:

Referências

  1. Cururu. In: Houaiss, Antônio. Dicionário houaiss da língua portuguesa. 1. impr. com alterações. Rio de Janeiro: Objetiva, 2004. ISBN 978857302383X. p. 896.
  2. Sapo-cururu. In: Ferreira, Aurélio Buarque de Holanda. Novo dicionário aurélio da língua portuguesa. 3. ed. rev. e atual., 1. impr. Curitiba: Positivo, 2004. ISBN 8574724149. p. 1808.
  3. Sapo-cururu. In: Houaiss, Antônio. Dicionário houaiss da língua portuguesa. 1. impr. com alterações. Rio de Janeiro: Objetiva, 2004. ISBN 978857302383X. p. 2517.
  4. Fundação Museu do Homem Americano (2006). Listagem dos anfíbios observados no Parque Nacional Serra da Capivara e áreas adjacentes. Visitado em 25 de agosto de 2007.
  5. Dixo, Marianna; Verdade, Vanessa Kruth. (2006). "Herpetofauna de serrapilheira da Reserva Florestal de Morro Grande, Cotia (SP)" (PDF). Biota Neotropica 6 (2): 4. ISSN 1676-0603.

Ver também[editar | editar código-fonte]