Saprotrofia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Saprófita)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde novembro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Saprófito, saprotrófico ou saprotrofo é a designação dada em biologia aos organismos, entre os quais plantas, fungos e outros seres, que se alimentam absorvendo substâncias orgânicas normalmente provenientes de matéria orgânica em decomposição. As plantas saprófitas não possuem capacidade de fazer a fotossíntese.

Pertencem a este grupo a maioria dos fungos terrestres, algumas plantas vasculares modificadas e os gametófitos de muitas pteridófitas.

Estes fungos têm um importante papel na reciclagem dos nutrientes no meio ambiente, tal como muitas bactérias - que, no entanto, não são consideradas saprófitas, mas sim decompositoras, uma vez que transformam a matéria orgânica em inorgânica, ao invés de a transformarem em matéria viva como fazem as saprófitas.

Não confundir com as plantas parasitas que podem alimentar-se de substâncias orgânicas da planta hospedeira ou por ela segregadas.

Neste artigo, "plantas" é utilizado como termo genérico, como era usado de acordo com a taxonomia de Lineu, e inclui não só as plantas vasculares - as espermatófitas) e as pteridófitas - mas também as briófitas, algas e fungos.

Ver também[editar | editar código-fonte]