Sarapatel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sarapatel de Goa, servido em Algés (Lisboa).
Sarapatel de Goa.

Sarapatel é uma designação comum de diversas iguarias preparadas com vísceras de porco, cabrito ou borrego. Nascido no Alto Alentejo, em Portugal, o sarapatel foi adaptado e adoptado no Brasil e na culinária indo-portuguesa de Goa, Damão e Diu, outrora pertencentes ao Estado Português da Índia.

Versões[editar | editar código-fonte]

Brasil[editar | editar código-fonte]

O sarapatel é um alimento típico da culinária de Pernambuco, Bahia, Rio Grande do Norte,Ceará e Piauí. Em Pernambuco, é feito com tripas e outras vísceras de porco, além do sangue coalhado e cortado em pedaços. Uma das características da iguaria é seu teor de gordura, bastante acentuado por causa da presença de pedaços de toucinho e da tripa. Durante o cozimento acrescenta-se hortelã e uma ou duas grandes pimentas-de-cheiro, inteiras. Serve-se o prato acompanhado de farinha ou de arroz. No Ceará normalmente não se coloca tripa e a hortelã é substituída pela folha de louro. No Piauí, é preparado a partir da chamada "fissura" (conjunto de traqueia, pulmão, rins e fígado) de carneiro ou bode. 1

Goa[editar | editar código-fonte]

O sarapatel de Goa é confeccionado com carne, cabeça, fígado, coração, rins e sangue de porco. É temperado com malaguetas, cravinho, açafrão, canela, coentros, cominhos, gengibre, alho e tamarindo. Leva ainda cebolas picadas e pode levar também vinagre, conforme o gosto.

As carnes começam por ser cozidas com o açafrão e o sal. Depois de cozidas, são cortadas em pequenos cubos, que são fritos em seguida. As especiarias são misturadas e adicionadas às cebolas refogadas. A carne é adicionada em seguida, assim como um pouco da água da sua cozedura. Vai a apurar por instantes e está pronto a servir. 2

É normalmente servido com arroz branco.

Portugal[editar | editar código-fonte]

Em Portugal, no Alto Alentejo, o sarapatel é confeccionado principalmente com carne de borrego ou cabrito, além dos pulmões, fígado, coração ou outras vísceras, sangue cozido, banha, azeite, cebola, alho, tomate e temperado com louro, colorau, cravinho e cominhos. É servido quente, sobre fatias de pão finas. 3 Existe também a sopa de sarapatel. 4

Encontra-se ainda uma versão apenas com fígado e sangue de porco, que leva nozes, passas e peros. 5

Na região do Minho, no norte do país, é possível encontrar o chamado sarapatel da serra de Arga,6 7 considerado uma cabidela com miúdos de cabrito. É sobretudo confeccionado e consumido em Arga de São João, por ocasião das festas no mosteiro local, que se realizam todos os anos entre 28 e 29 de Agosto.8

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Sarapatel