Scot Gemmill

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Scot Gemmill
Informações pessoais
Nome completo Scotland Gemmill
Data de nasc. 2 de Janeiro de 1971 (43 anos)
Local de nasc. Paisley, Reino Unido
Nacionalidade Escócia escocês
Altura 1,85 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Meio-campista
Clubes de juventude
Nottingham Forest
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1990-1999
1999-2004
2004
2004-2006
2006
2006–2007
Nottingham Forest
Everton
Preston NE
Leicester City
Oxford United
New Zealand Knights
245 (21)
97 (5)
7 (1)
17 (0)
1 (0)
20 (0)
Seleção nacional
1995-2003 Flag of Scotland.svg Escócia 26 (1)

Scotland "Scot" Gemmill (Paisley, 2 de janeiro de 1971) é um ex-futebolista escocês.

Filho de Archie Gemmill, um dos principais jogadores escoceses nos anos 70 e 80, marcou época no Nottingham Forest, onde jogou durante toda a década de 1990, disputando 245 partidas e marcando 21 gols. Chegou ao clube em 1987, e assinou seu primeiro contrato profissional dois anos depois. Estreou pelo Forest em 1991, contra o Wimbledon.

Despediu-se dos Reds em 1999, e assinou contrato com o Everton, por 250 mil libras. A saída dos Toffees marcou também o declínio de sua carreira como jogador, e chegou ao fundo do poço no Preston NE. Na primeira equipe campeã do Campeonato Inglês, disputou apenas sete partidas.

Tentou se reerguer no Leicester City, mas também atuou em poucos jogos: foram 17 em duas temporadas, antes de seguir para o Oxford United, disputando uma única partida pelo clube.

Em 2006, aos 35 anos, Scot Gemmill resolveu se aventurar no New Zealand Knights, clube neozelandês que disputava a recém-criada A-League (a nova versão do Campeonato Australiano de Futebol). Despediu-se dos gramados em 2007.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Scot Gemmill estreou na Seleção Escocesa de Futebol em 1996, ano em que o selecionado disputou sua última Eurocopa, e também esteve presente na Copa de 1998, mas em ambos os torneios não entrou em campo nenhuma vez.

Entre 1996 e 2003, o meia disputou 26 partidas e marcou um gol, contra Hong Kong, em 2002.