Scottish Borders

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Scottish Borders
Geografia
Área Total 4.732 km² (6ª posição)
Categoria Council Area
Sede Administrativa Newtown St. Boswells
Demografia
População Total (2004) 109.270 habitantes (18º posição)
Densidade 23 hab./km²
Política
Nome do Conselho Scottish Borders Council
Site http://www.scotborders.gov.uk/

A Área de Conselho (ou Council Area) de Scottish Borders (em gaélico escocês, Crìochan na h-Alba), é uma das 32 subdivisões administrativas da Escócia[1] , em vigor desde 1996.

Comumente referida apenas como Borders, Scottish Borders faz fronteira com Dumfries and Galloway ao oeste; South Lanarkshire e West Lothian ao noroeste; City of Edinburgh, East Lothian e Midlothian ao norte; e Northumberland e Cumbria, na Inglaterra, ao sudeste. O centro administrativo desta Área de Conselho é Newtown St. Boswells.

Historicamente, o nome Scottish Borders (fronteiras escocesas) se referia a toda região fronteiriça do sul da Escócia e as áreas vizinhas com a Inglaterra que eram parte da fronteira entre a Inglaterra e a Escócia. Os habitantes de Scottish Borders são muito orgulhosos de sua região e frequentemente referem-se a si mesmos como Borderers.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Scottish Borders está localizada na parte oiriental dos planaltos da Escócia, uma região montanhosa com o Rio Tweed correndo do oeste para o leste através da região. O leste da região, na área que faz fronteira com o Rio Tweed, é plano e é conhecido como 'The Merse'.

O Rio Tweed e seus afluentes fluem por toda a região e terminam no Mar do Norte em Berwick-upon-Tweed, formando a fronteira com a Inglaterra, aproximadamente, nos últimos 30 km de sua extensão.

O termo Central Borders se refere a área na qual as maiorias das principais cidades estão localizadas. São estas: Galashiels, Selkirk, Hawick, Jedburgh, Earlston, Kelso, St Boswells, Newtown St Boswells, Melrose e Tweedbank.

História[editar | editar código-fonte]

Historicamente, o termo 'Borders' tinha um significado mais amplo se referindo a todos os burghs pertencentes a região fronteiriça com a Inglaterra, incluindo Dumfriesshire e Kirkcudbrightshire, na Escócia, e Northumberland, Cumberland e Westmorland, na Inglaterra.

Os antigos condados, hoje substituídos pelas Council Areas, de Roxburghshire e Berwickshire, em Scottish Borders, foram palco de inúmeras batalhas, como as Guerras de Independência da Escócia, e incursões militares na época das Border Reivers. Assim, em toda a região podem ser vistos ruínas de castelos, mosteiros e até cidades antigas.

A antiga região de Borders foi criada em 1975 pela fusão dos condados de Berwickshire, Peeblesshire, Roxburghshire e Selkirkshire e parte de Midlothian. Em 1996, a região tornou-se uma autoridade unitária, Área de Conselho, e depois de uma eleição para escolha dos chefes políticos da região o nome foi mudado para Scottish Borders[2]

Cidades e vilarejos[editar | editar código-fonte]

Escritório do Scottish Borders Council em Newtown St. Boswells

Referências e notas

  1. Local councils of Scotland, Directgov website
  2. A noticia de mudança do nome da unidade autoritária foi registrada na edição de 26 de maio de 1995 do Edinburgh Gazette.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Escócia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.