Scribus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Scribus
Scribus logo.png
Captura de tela
Scribus rodando no Linux Mint
Desenvolvedor O time do Scribus
Versão estável 1.4.3 (31 de julho de 2013; há 63 semanas e 5 dias)
Sistema operacional multiplataforma
Gênero(s) [[1]]
Licença GPL
Página oficial www.scribus.net

O Scribus é um aplicativo de Desktop Publishing de código aberto. Versões nativas do programa estão disponíveis para Linux, Unix, Mac OS X , OS/2 e Windows, possuindo recursos avançados de layout, similares aos encontrados no Adobe PageMaker, QuarkXPress e no Adobe InDesign.

O Scribus foi desenvolvido para um layout flexibilizado e para o controle de caracteres, com a habilidade de preparar arquivos para equipamentos de qualidade profissional de imagem, sendo disponível em mais de 24 idiomas. O Scribus também pode criar apresentações e formulários PDF animados e interativos. Os exemplos de uso incluem jornais, brochuras, cartazes e livros.

O Scribus suporta uma grande quantidade de formatos gráficos, além do SVG. Também oferece recursos profissionais como CMYK, gerenciamento de perfis ICC e cores por separação (spot colors). Um interpretador Python foi incluso dentro do programa para criação de scripts que auxiliam no processo de criação do documento automatizando tarefas comuns.

A impressão é alcançada através do próprio interpretador de Postscript de nível 3, com suporte à incorporação ou apenas à referência (sub-lista) de fontes Truetype, Type 1 e OpenType. O driver interno também suporta a criação de PS de nível 2 e uma grande parte do subset de nível 3.

O suporte a PDF inclui transparência, criptografia e uma grande quantidade das especificações do PDF 1.4 e X/3. Objetos interativos como campos, anotações, botões e marcadores também são suportados.

O formato de arquivo usado no Scribus basea-se no XML, sendo totalmente documentado. Documentos tipo OpenDocument podem ser importados, assim como RTF, Microsoft Word .doc e HTML (com algumas limitações em certos casos).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]