Segunda Guerra Anglo-Holandesa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Segunda Guerra Anglo-Holandesa
Storck, Four Days Battle.jpg
A Batalha de Quatro Dias por Abraham Storck
Data 4 de março de 1665 a 31 de julho de 1667
Local Mar do Norte, Canal da Mancha, Inglaterra, Países Baixos e Dinamarca-Noruega
Desfecho Vitória holandesa, Uti possidetis. Tratado de Breda
Combatentes
Statenvlag.svg República dos Países Baixos
 Dinamarca
Reino de França França
Reino da Inglaterra Inglaterra
Flag of the Prince-Bishopric of Münster.svg Bispado de Münster
Comandantes
Statenvlag.svg Michiel de Ruyter
Statenvlag.svg Jacob van Wassenaer
Statenvlag.svg Pieter de Bitter
Statenvlag.svg Cornelis de Witt
Statenvlag.svg Willem Joseph van Ghent
Dinamarca Claus von Ahlefeldt
Reino de França Joseph-Antoine de La Barre
Reino da Inglaterra Jaime, Duque de Iorque
Reino da Inglaterra Thomas Teddeman
Reino da Inglaterra George Monck
Reino da Inglaterra Ruperto do Reno
Forças
República dos Países Baixos
131 navios
Dinamarca-Noruega
Fortaleza com 250 homens
139 navios
21 mil homens
4,2 mil armas
Baixas
República dos Países Baixos
5150 mortos
3 mil feridos
2,5 mil capturados
23 navios perdidos
Dinamarca-Noruega
18 mortos
7210 mortos
7 mil feridos
2 mil capturados
2 navios capturados
29 navios perdidos

A Segunda Guerra Anglo-Holandesa foi travada entre a República dos Países Baixos e o Reino da Inglaterra de março de 1665 a julho de 1667, sendo a segunda das Guerras Anglo-Holandesas travadas entre os dois países nos séculos XVII e XVIII pelo controle de rotas marítimas de comércio. Depois de sucessos iniciais ingleses, a guerra terminou com um resultado muito favorável aos holandeses, porém o ressentimento inglês e francês logo levaria a um novo conflito.


Guerras Anglo-Holandesa
PrimeiraSegundaTerceiraQuarta
[editar]
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.