Segunda Guerra de Shaba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Segunda Guerra de Shaba
Parte da(o) Guerra Fria
Democratic Republic of the Congo - Katanga.svg
Região de Shaba
Data 1978
Local Shaba, Zaire
Desfecho vitória de Zaire; fim mútuo de apoio a grupos rebeldes de outras nações
Combatentes
Frente Nacional de Libertação do Congo (FNLC)
  • Apoiado por
Principais líderes
Mobutu Sese Seko Nathaniel Mbumba

A Segunda Guerra de Shaba foi uma guerra que ocorreu em 1978 quando a Frente Nacional de Libertação do Congo, separatistas de Katanga, apoiados pelos governos de Angola e de Cuba, invadiram Shaba (atual Katanga) no Zaire, de suas bases no leste de Angola. Mobutu Sese Seko pediu o apoio de forças militares da França e da Bélgica para uma intervenção militar destinada a repelir a invasão, como na Primeira Guerra de Shaba, um conflito do ano anterior [1]

A Frente Nacional de Libertação do Congo (FNLC) tomou Kolwezi [2]

Os Estados Unidos supervisionaram as negociações entre os governos de Angola e do Zaire para um acordo de paz e o cessar de apoio para as insurgências em seus respectivos países. O Zaire interrompeu momentaneamente sua assistência à FLEC, FNLA e UNITA e Angola retirou o seu apoio aos separatistas de Shaba .[1]

Os Estados Unidos colaboraram com a França para repelir os invasores, no que foi a primeira cooperação militar entre os dois países desde a Guerra do Vietnã [2]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b George, Edward. The Cuban Intervention in Angola, 1965-1991: From Che Guevara to Cuito Cuanavale, 2005. Page 136.
  2. a b Widstrand, Carl Gösta, Timothy M. Shaw, and Douglas George Anglin. Canada, Scandinavia, and Southern Africa, 1978. Page 130.
Ícone de esboço Este artigo sobre conflitos armados é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.