Seleção do Sarre de Futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Seleção do Sarre de Futebol
Flag of Saar (1947–1956).svg
Associação Saarländischer Fußball-Bund
Confederação UEFA
Treinador Helmut Schön
Mais participações Waldemar Philippi (18)
Melhor artilheiro Herbert Binkert (6)
Herbert Martin (6)
Kit left arm.png Kit body lightbluestripes.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
titular
Kit left arm.png Kit body.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
alternativo
editar

A Seleção do Sarre de Futebol foi uma equipe de futebol que representou o Protetorado do Sarre durante a ocupação francesa na Alemanha entre os anos de 1950 até 1956. Como a França se opôs à inclusão do Sarre na Seleção Alemã Ocidental, o estado alemão de Sarre foi representado separadamente.

Como a população local não quis aderir à França, organizações locais tiveram que ser fundadas, como o Comitê Olímpico do Sarre, que enviou atletas do Sarre para os Jogos Olímpicos de Verão de 1952. Além disso, como não era uma nação independente, diferente da Alemanha, a equipe de futebol não foi designada como seleção "nacional", mas sim apenas por "seleção" (Alemão: Auswahl) ou algum termo semelhante.

História[editar | editar código-fonte]

Devido a repartição da Alemanha no pós-guerra, o Protetorado do Sarre foi separado da República Federal da Alemanha e da República Democrática Alemã. A federação local, Fußballbundes Saarländischer (SFB) foi fundado em 25 de Julho de 1948 em Sulzbach, Com Willy Koch como primeiro presidente. Os clubes do Sarre jogavam na Ehrenliga local por três temporadas, de 1948 a 1951, com exceção do 1. FC Saarbrücken, que foi convidado para jogar na Ligue 2 francesa na temporada 1948-49, onde eles eram conhecidos como FC Sarrebruck. No entanto, após os clubes franceses votaram por unanimidade contra eles aderirem à Federação Francesa de Futebol (resultando na demissão do presidente Jules Rimet, que era a favor da adesão do Saarbrücken), o clube saiu do campeonato francês. Desinteressados em disputar a Ehrenliga eles estabeleceram um breve torneio por convite, o Saarlandpokal Internationaler, que atraiu um grande número de equipes de topo e é considerado como um precursor para a Taça dos Campeões Europeus.[2] Em 1955, Saarbrücken se tornou o único clube que de Saarland a disputar a recém criada Taça dos Campeões Europeus. No torneio, venceram o primeiro jogo em San Siro contra o campeão italiano AC Milan, mas perderam o segundo jogo e foram eliminados.

Em 17 de julho de 1949, os membros do SFB recusaram uma proposta de serem anexados pela Federação Francesa de Futebol por 609 votos contra, 299 votos a favor e 55 abstenções. Liderados pelo novo presidente, Hermann Neuberger, que assumiu em 14 de maio de 1950, o SFB tornou-se parte da FIFA, em 12 de junho de 1950.

A equipe do Sarre foi constituída em grande parte dos jogadores de futebol de 1. FC Saarbrücken, e também por jogadores do SV 05 Sarre Saarbrücken, Borussia Neunkirchen, SV St. Ingbert 1945, FC 1912 Ensdorf e ASC Dudweiler.

A equipe jogou apenas 19 jogos, 10 destes contra times "B", e também jogou as Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA de 1954, terminando à frente da Noruega em seu grupo, derrotando-os em Oslo. Antes da Copa do Mundo de 1954 na Suíça, jogaram contra o atual campeão mundial Uruguai em 5 de junho, perdendo por 7 a 1. Outros amistosos foram contra a Iugoslávia (1 a 5), Holanda (1 a 2 e 2 a 3) e Suíça (1 a 1).

Em um plebiscito em 1955, a Seleção do Sarre passou a fazer parte da Seleção Ocidental da Alemanha a partir de 1957. Seu técnico, Helmut Schön, treinou a seleção alemã nas décadas de 60 e 70. Hermann Neuberguer, ex-presidente do SFB, fundou a Bundesliga e também organizou a Copa do Mundo de 1974.

Eliminatórias da Copa do Mundo de 1954[editar | editar código-fonte]

A única vez que Sarre disputou as eliminatórias para a Copa do Mundo foi para a Copa de 1954. Sarre entrou no grupo 1, ao lado da Alemanha Ocidental e da Noruega. Na rodada de abertura no Verão de 1953, eles ganharam sua única partida fora de casa, batendo a Noruega em Oslo por 3 a 2, após estar perdendo de 2 a 0, e com apenas 10 jogadores em condições, pois Theodor Puff permaneceu em campo com uma fíbula quebrada. Assim, eles lideraram o grupo após a primeira rodada, já que Alemanha Ocidental empatou o seu jogo em Oslo. Na segunda rodada, o Sarre foi derrotado pela Alemanha Ocidental em Stuttgart pelo placar de 3 a 0 e conseguiu apenas um empate de 0 a 0 contra a Noruega em Saarbrücken. Ambas as seleções alemãs estavam classificadas em primeiro lugar em seu grupo, até que a Alemanha Ocidental goleou a Noruega por 5 a 1, pondo fim às esperanças norueguesas. O último jogo ocorreu somente quatro meses depois,após o rigoroso inverno europeu, em março de 1954.

Sarre, que já havia garantido o segundo lugar no grupo à frente da Noruega, precisava de uma vitória em casa para terminar em primeiro, mas perdeu novamente, desta vez por 3 a 1. Invicto, a Alemanha Ocidental viajou para a Suíça e foi campeã da Copa do Mundo de 1954. O técnico Sepp Herberger queria contar com o jogador Kurt Clemens para o seu time, mas ele estava inelegível, assim como todos os outros jogadores que jogaram pela seleção do Sarre.

Grupo 1[editar | editar código-fonte]

24 de junho 1953 Noruega Flag of Norway.svg 2–3 Flag of Saar (1947–1956).svg Sarre Oslo


19 de agosto 1953 Noruega Flag of Norway.svg 1–1 Alemanha Alemanha Ocidental Oslo


11 de outubro 1953 Alemanha Ocidental Alemanha 3–0 Flag of Saar (1947–1956).svg Sarre Estugarda


8 de novembro 1953 Sarre Flag of Saar (1947–1956).svg 0–0 Flag of Norway.svg Noruega Saarbrücken


22 de novembro 1953 Alemanha Ocidental Alemanha 5–1 Flag of Norway.svg Noruega Hamburgo


28 de março 1954 Sarre Flag of Saar (1947–1956).svg 1–3 Alemanha Alemanha Ocidental Saarbrücken

Pos. Time Pts J V E D GP GC
1 Alemanha Alemanha Ocidental 7 4 3 1 0 12 3
2 Flag of Saar (1947–1956).svg Sarre 3 4 1 1 2 4 8
3 Flag of Norway.svg Noruega 2 4 0 2 2 4 9

Referências

  1. a b c FIFA.com (abril de 2011). Ranking Mundial da FIFA/Coca-Cola (em português). Página visitada em 6 de maio de 2011.
  2. As good as it got: Saarland 1950-55 When Saturday Comes, Maio de 2008

Ligações externas[editar | editar código-fonte]