Sertão (geografia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sertão (conceito))
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde novembro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

Apesar de usualmente a palavra sertão aparecer geralmente relacionada, à região nordeste do Brasil, seu significado original refere-se a uma região afastada dos centros urbanos, distante ou com pouca "civilização" (o nome é derivado da expressão "desertão", utilizada na época colonial para referir-se ao interior do país. Ou, simplesmente, o interior de um país ou região. Os portugueses chamavam o semi-árido de Desertão pelas condições climáticas, e desta forma, com a repetição do "de" esse passou a ser chamado de apenas "de sertão"!. "Há tambem, estudiosos que afirmam tratar-se de uma corruptela da palavra sertã (frigideira) pelo fato de ser uma região onde se registram altas temperaturas." Professor Rubem Tadeu - setembro de 2012.

Pode-se comparar com o conceito australiano de outback.

O sertão nordestino caracteriza-se pelo predomínio do clima semi-árido, com ocasionais períodos de estiagem, razão pela qual essa região é também conhecida como "polígono das secas". A pecuária é, ainda hoje, a sua principal atividade econômica.

O primeiro processo do País de interiorização ocorreu nessa região, entre os séculos XVI e XVII, com o deslocamento da criação de gado do litoral, devido à pressão exercida pela expansão da lavoura de cana-de-açúcar, que era o principal produto de exportação da economia colonial. A área foi conquistada por povoadores com escassos recursos e o desenvolvimento da pecuária possibilitou o desbravamento nos sertões. Os caminhos de boiadas assim criados permitiram a articulação e o intercâmbio entre o litoral nordestino e o interior, dando origem a diversas cidades.

O rio São Francisco constituiu uma via natural de entrada para o sertão, ampliando a extensão da área envolvida nessas trocas.

Os prolongados períodos de estiagem são um dos principais problemas do sertão nordestino e, desde a década de 40, o governo vem tentando solucionar o problema implantando diversos programas de irrigação, que visam, principalmente, o desenvolvimento econômico da região.

Até os dias atuais permanece como importante meio de distribuição de água para os nordestinos moradores de áreas sem saneamento dos sertões os "Caminhões-Pipas".

Atualmente com equipamentos e ideias mais modernas vêm-se implantando tecnologia até nos lugares menos desenvolvidos do Sertão Nordestino.

A ideia mais atualizada é implantar sistemas de cisternas nas regiões de seca no sertão.

Assim, os governos e o terceiro setor, estão fazendo com que algumas famílias sejam beneficiadas armazenando água o ano inteiro.

A energia solar também vem sendo usada nestas regiões.

Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.