Setor primário

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

O setor primário é o conjunto de atividades econômicas que extraem e/ou produzem matéria-prima. Isto implica geralmente a transformação de recursos naturais em produtos primários. Muitos produtos do setor primário são considerados como matérias-primas levadas para outras indústrias, a fim de se transformarem em produtos industrializados. As atividades importantes neste setor incluem agricultura, a pesca, a pecuária e a mineração em geral.

As indústrias em sentido diversificado, que agregam, embalam, empacotam, purificam ou processam as matérias-primas dos produtores primários, normalmente se consideram parte deste setor, especialmente se a matéria-prima é inadequada para a venda, ou difícil de transportar a longas distâncias.

Segundo a nomenclatura econômica, o "setor primário" é composto de seis atividades econômicas:

O IBGE calcula o PIB dos municípios brasileiros a partir de três setores da atividade econômica (Agropecuária, Indústria e Serviços) e estabelece que o setor Agropecuária é formado pelos seguintes subsetores (IBGE, 2004, p. 15):[1]

  • Lavoura permanente
  • Lavoura temporária
  • Pecuária
  • Horticultura
  • Extrata vegetal
  • Silvicultura
  • Pesca
  • Investimentos em matas plantadas e em culturas permanentes
  • Indústria rural
  • Produção particular do pessoal residente no estabelecimento rural
  • Serviços auxiliares da agropecuária


Referências

  1. "[http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/economia/pibmunicipios/srmpibmunicipios.pdf Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Produto Interno Bruto dos Municípios. Série Relatórios Metodológicos. Vol. 29. Rio de Janeiro, IBGE, 2004. 49 p. Acesso em 23 de outubro de 2013.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.