Sharon Carter

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Agente 13
Placeholder male superhero c.png

Dados da publicação
Publicado por Marvel Comics
Primeira aparição Tales of Suspense n° 75 de 1966
Criado por Stan Lee
Jack Kirby
Dick Ayers
Características do personagem
Alter ego Sharon Carter
Espécie Humano
Afiliações S.H.I.E.L.D.
Vingadores Secretos
Parentesco Peggy Carter é Tia avó
Habilidades mestre em combate armado e dasarmado e em artes marciais.
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Sharon Carter é uma personagem ficcional, das histórias em quadrinhos do Universo Marvel, publicadas pela Marvel Comics.

Sharon é uma agente de elite da S.H.I.E.L.D., também conhecida como Agente 13. Tendo se relacionado com o Capitão América por um tempo, Sharon foi aparentemente morta em um combate contra a "Força Nacional", uma organização racista e ultraconservadora. Porém, tudo não passava de uma encenação arquitetada por Nick Fury, para enviá-la a uma missão secreta.

Treinando por meses, Sharon trabalhou como agente em muitas missões, normalmente atuando atrás das linhas inimigas e cumprindo suas missões com completo sucesso. Porém, durante uma dessas missões, algo saiu errado e ela foi abandonada. Misteriosamente, nenhum resgate foi providenciado para salvá-la. Sozinha e sem ajuda, Sharon foi forçada a se unir com seus captores. Acreditando que Fury havia sido responsável pelo que lhe aconteceu, ela jurou vingança contra o antigo companheiro.

Aliada ao Caveira Vermelha, Sharon conseguiu retornar aos Estados Unidos, onde enfrentou o Capitão América, que conseguiu convencê-la de que ela estava no caminho errado. Nesse ínterim, Nick Fury foi aparentemente assassinado em uma missão para prender Frank Castle, o Justiceiro.

Reintegrada à S.H.I.E.L.D., Sharon tornou-se obcecada em descobrir a verdade sobre seu abandono, fazendo que ela descobrisse o abandonado "Projeto Anjo Caído". Após várias investigações, ela descobriu que Nick Fury havia secretamente forjado sua própria morte e utilizado o projeto para voltar no tempo, retornando à Segunda Guerra Mundial, quando ele era comandante do Comando Selvagem (considerado por ele a melhor fase de sua vida). Sharon consegue localizar o portal e volta no tempo, chamando o Coronel Fury de volta à sua responsabilidade. Após ele reassumir o cargo de comandante da S.H.I.E.L.D., Sharon permanece como uma de suas melhores agentes.

Em 2014 a personagem foi integrada ao grande elenco da Marvel nos cinemas, sendo interpretada por Emily VanCamp em Capitão América: O Soldado Invernal.

Ícone de esboço Este artigo sobre banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.