Sharon Carter

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Agente 13
Placeholder male superhero c.png

Dados da publicação
Publicado por Marvel Comics
Primeira aparição Tales of Suspense n° 75 de 1966
Criado por Stan Lee
Jack Kirby
Dick Ayers
Características do personagem
Alter ego Sharon Carter
Espécie Humano
Afiliações S.H.I.E.L.D.
Vingadores Secretos
Parentesco Peggy Carter (irmã)
Habilidades mestre em combate armado e dasarmado e em artes marciais.
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Sharon Carter é uma personagem ficcional, das histórias em quadrinhos do Universo Marvel, publicadas pela Marvel Comics.

Sharon é uma agente de elite da S.H.I.E.L.D., também conhecida como Agente 13. Tendo se relacionado com o Capitão América por um tempo, Sharon foi aparentemente morta em um combate contra a "Força Nacional", uma organização racista e ultraconservadora. Porém, tudo não passava de uma encenação arquitetada por Nick Fury, para enviá-la a uma missão secreta.

Treinando por meses, Sharon trabalhou como agente em muitas missões, normalmente atuando atrás das linhas inimigas e cumprindo suas missões com completo sucesso. Porém, durante uma dessas missões, algo saiu errado e ela foi abandonada. Misteriosamente, nenhum resgate foi providenciado para salvá-la. Sozinha e sem ajuda, Sharon foi forçada a se unir com seus captores. Acreditando que Fury havia sido responsável pelo que lhe aconteceu, ela jurou vingança contra o antigo companheiro.

Aliada ao Caveira Vermelha, Sharon conseguiu retornar aos Estados Unidos, onde enfrentou o Capitão América, que conseguiu convencê-la de que ela estava no caminho errado. Nesse ínterim, Nick Fury foi aparentemente assassinado em uma missão para prender Frank Castle, o Justiceiro.

Reintegrada à S.H.I.E.L.D., Sharon tornou-se obcecada em descobrir a verdade sobre seu abandono, fazendo que ela descobrisse o abandonado "Projeto Anjo Caído". Após várias investigações, ela descobriu que Nick Fury havia secretamente forjado sua própria morte e utilizado o projeto para voltar no tempo, retornando à Segunda Guerra Mundial, quando ele era comandante do Comando Selvagem (considerado por ele a melhor fase de sua vida). Sharon consegue localizar o portal e volta no tempo, chamando o Coronel Fury de volta à sua responsabilidade. Após ele reassumir o cargo de comandante da S.H.I.E.L.D., Sharon permanece como uma de suas melhores agentes.

Em 2014 a personagem foi integrada ao grande elenco da Marvel nos cinemas, sendo interpretada por Emily VanCamp em Capitão América: O Soldado Invernal.

Ícone de esboço Este artigo sobre banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.