Shmuel Eisenstadt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Eisenstadt (Março de 2008)

Shmuel Noah Eisenstadt (Varsóvia, 10 de Setembro de 19232 de setembro de 2010) foi um sociólogo israelita.[1] Em 1959 foi-lhe atribuído um cargo de professor na Faculdade de Sociologia da Universidade Hebraica de Jerusalém. Tornou-se professor emérito em 1990. Foi professor convidado em várias Universidades, entre as quais a Universidade de Chicago, Harvard, Universidade de Zurique, Universidade de Viena, Universidade de Berna, Stanford e Universidade de Heidelberg.

Foram-lhe atribuídos numerosos prémios, entre os quais o prémio Balzan Prize, o prémio de pesquisa Max-Planck e em 2006 o "Holberg International Memorial Prize". Foi membro de várias academias, incluindo a Academia Americana de Artes e Ciências.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Laureado com o Prêmio Israel Shmuel Noah Eisenstadt morre aos 87 (em inglês). ynetnews.com (2 de setembro de 2010). Página visitada em 20 de setembro de 2010.