Shorty the Pimp

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Shorty The Pimp
Álbum de estúdio de Too Short
Lançamento 14 de Julho de 1992
Gravação 1991-1992
Gênero(s) Hip Hop
Duração 01:02:77
Gravadora(s) Jive Records
Produção Too Short, Ant Banks & D'wayne Wiggins
Certificação Platinum.png Platina (RIAA)
Cronologia de Too Short
Último
Último
Short Dog's In The House
(1990)
Get in Where You Fit In
(1993)
Próximo
Próximo
Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg[1]

Shorty the Pimp é o sétimo álbum de estúdio do rapper Too Short, lançado em 1992. Cinco canções foram produzidas por Ant Banks, quatro pelo próprio Too Short e uma por D'wayne Wiggins.

O título do álbum é o mesmo de um filme blaxploitation de 1973, estrelando um personagem do mesmo nome. A primeira faixa usa um sample da canção tema do filme; a trilha sonora do filme foi mais tarde coletada no álbum de funk Shorty the Pimp de Don Julian & The Larks (que atuam no filme).

O álbum estreou no múmero 6 do gráfico de posições Billboard 200, com 82,000 cópias vendidas na semana de lançamento,[2] e depois foi ganhou o certificado de platina da RIAA.

Estilo e temas[editar | editar código-fonte]

As canções 3, 4 & 8 são 'canções obcenas' rimadas no estilo único de Too Short. A quinta canção é sobre Oakland. A sexta canção é sobre policiais corruptos. A sétima é sobre tietes. A canção número 10 é sobre ser um gangster. A canção 11 tem a participação dos rappers da Bay Area The Dangerous Crew, que é Ant Banks, Pooh-Man & Goldy, e tem 11 minutos de duração.

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Intro: Shorty The Pimp" -:42
  2. "In The Trunk" -5:49
  3. "I Ain't Nothin' But A Dog" -4:49
  4. "Hoes" -6:22
  5. "No Love From Oakland" -8:25
  6. "I Want To Be Free (That's The Truth)" -5:48
  7. "Hoochie" (featuring D'wayne Wiggins) -4:19
  8. "Step Daddy" 4:22
  9. "It Don't Stop" -4:21
  10. "So You Want To Be A Gangster" -4:04
  11. "Something To Ride To" (featuring Ant Banks, Pooh-Man & Goldy) -11:57
  12. "Extra Dangerous Thanks" -4:19

Posições nas paradas[editar | editar código-fonte]

Parada Posição
Billboard 200 # 6
Top R&B/Hip-Hop Albums # 11

Singles[editar | editar código-fonte]

I Want To Be Free

Parada Posição
Hot R&B/Hip-Hop Singles & Tracks # 41
Hot Rap Singles # 5

In The Trunk

Parada Posição
Hot Rap Singles # 23

Referências[editar | editar código-fonte]