Shuri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Shuri
—  Distrito  —
26° 13' 1" N 127° 43' 10" E
País Japão
Província Oquinaua
Capital da Província Naha
Fuso horário Fuso horário padrão do Japão (UTC+9)

Shuri (首里?), ou Sui (em okiinawano: スイKatakana), é atualmente um distrito da cidade de Naha, na ilha de Okinawa. Antes, porém, era uma cidade autônoma e a velha capital do reino de Ryukyu. Na urbe estão localizados alguns de sítios históricos muito importantes do Japão, como o Castelo de Shuri, o portão Shureimon, Sunuhyan-utaki e o mausoléu Real Tamaudun, os quais são todos reconhecidos como Património da Humanidade pela UNESCO.

Shuri é considerado o berço do Caratê em Okinawa.

História[editar | editar código-fonte]

A cidade desenvolveu-se no entorno do Castelo Shuri, que foi construído durante o reinado de Shunbajunki, que sucedeu quase um século antes de a ilha ser dividida nos três reinos da Hokuzan, Nanzan e Chuzan. Nessa época não havia uma unificação política ou administrativa mas somente um conjunto de senhores locais, que seriam mais ou menos leais ao senhor de Shuri.[1]

Após um período em que o reino de Chuzan disputou com os outros dois, prevalecendo por fim, o arquipélago foi unificado por el-Rei Sho Hashi sob a bandeira do Reino Ryukyu. Shuri deixou de ser a capital quando o reino foi abolido e incorporados Japão.[2]

A abolição do reino seu-se formalmente em 27 de março de 1879, quando as forças imperiais japonesas, sob o comando de Matsuda Michiyuki, encaminharam-se directamente ao castelo e apresentaram ao príncipe a documentação com a decisão do imperador Meiji desde Tóquio. Nesse instante, el-Rei Sho Tai, bem como toda e sua corte, foram retirados e o castelo foi ocupado por uma guarnição japonesa.

Referências

  1. Shuri castle - SamuraiWiki (em inglês). Página visitada em 18.ago.2011.
  2. History of Shorin-ryu Karate. Página visitada em 18.ago.2011.


Ícone de esboço Este artigo sobre o Japão é um esboço relacionado ao Projeto Ásia. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.