Siló (cidade bíblica)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Dezembro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Siló (em hebraico: שלה Šīlōh, שלו Šīlô, שילו Šîlô) é uma cidade mencionada na Bíblia Hebraica.

Sítio arqueológico[editar | editar código-fonte]

O sítio da antiga Siló, uma cidade no monte de Efraim e a capital religiosa de Israel no tempo dos Juízes, está situado ao norte de Betel, ao leste da autoestrada de Betel-Siquém e ao sul de Lebona no monte de Efraim (Jz. 21:19). Ela foi identificada ambiguamente com Khirbet Seilun pelo filologista E. Robinson em 1838. A localização foi estabelecida muito antes pelo escritor romano Eusébio e Nestório ha-Parhi.

Siló é mencionada na Bíblia Hebraica como um lugar de reunião para o povo de Israel onde havia um santuário contendo a Arca da Aliança até ela ser tomada pelos Filisteus do campo de batalha em Afeca (provavelmente Antipátrida).

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.