Simeão de Durham

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Simeão (ou Simão) de Durham (Durham, m. depois de 1129), foi um cronista e monge inglês. Quando William de Saint-Calais voltou de seu exílio da Normandia em 1091, Simão foi, provavelmente, em sua companhia. Simão se tornou chantre do convento, e exemplos de sua letra parecem sobreviver em vários livros de Durham, incluindo o Vitae Liber, o Livro Cantor (cujo texto, ele teria de manter-se atualizado, como parte de suas funções como chantre) e, em cópias de suas próprias obras históricas.

Bibliograifa[editar | editar código-fonte]

  • Simeão de Durham, Libellus de Exordio atque Procursu istius, hoc est Dunhelmensis, Ecclesie ed. e trads. para o inglês de David Rollason. Oxford, Clarendon Press, 2000.