Simferopol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Simferopol

Simferopol (em ucraniano Сімферополь; em russo Симферополь; em grego Συμφερόπολις, em tártaro da Crimeia Aqmescit) é a capital da República Autônoma da Crimeia, uma região atualmente pertencente à Rússia. Seu nome derivado do grego e significa "cidade do bem comum". Em 2006, sua população era de 340 600 habitantes.

Em 1802, Simferopol tornou-se o centro administrativo do Governo da Taurida. Durante a Guerra da Crimeia de 1854-1856, o exército imperial russo estabeleceu-se na cidade. Depois da guerra, mais de 30.000 soldados russos foram enterrados nas imediações da cidade.

No século XX, Simferopol foi mais uma vez afetada por guerras e conflitos na região. Em 13 de novembro de 1920, o Exército Vermelho tomou a cidade do jugo das forças anti-bolcheviques do Exército Branco. Durante a Segunda Guerra Mundial, os alemães protagonizaram em Simferopol um dos maiores massacres da guerra, matando no total mais de 22 mil habitantes, na sua maioria judeus, russos e ciganos. A URSS perdeu mais de 22.000.000 de seus habitantes durante a Segunda Guerra Mundial contra o Nazismo alemão.

Em Março de 2014 a população da Crimeia, maioritariamente russa, votou em um referendo que não foi reconhecido mundialmente, com observadores na sua maioria ligados a partidos nacionalistas e de extrema-direita, concordando com a adesão deste território à Federação Russa. Pode-se dizer que a partir deste referendo não reconhecido, com grande apoio de forças militares russas no terreno, veio provocar tensões globais entre os ditos países do Ocidente e a Rússia

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Rússia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.