Sinal de Romaña

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Criança com chagoma característico no olho direito e edema da pálpebra: o sinal de Romaña

Sinal de Romaña é um edema inflamatório bipalpebral e unilateral, associado a conjuntivite, dacriadenite e aumento ganglionar pré-auricular, ocorre em 10 a 20% dos casos agudos de doença de Chagas, sendo sinal patognomônico desta doença.

Epônimo[editar | editar código-fonte]

Recebe este nome em homenagem a Cecilio Romaña, um pesquisador argentino que foi a primeira pessoa a descrever o fenômeno.[1] [2]

Referências

  1. synd/3325 em Who Named It?
  2. C. Romaña. Acerca de un síntoma inicial de valor para el diagnóstico de la forma aguda de la enfermedad de Chagas. La conjuntivitis schizotripanosómica unilateral (hipótesis sobre la puerta de entrada conjuntival de la enfermedad) Mision de Estudios de Patologia Regional Argentina (MEPRA), 1935, (22): 16-25.
Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.