Sistema Tychonico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nesta representação do sistema Tychonico, os objetos em órbitas azuis (a lua e o Sol) giram em torno da Terra. Os objetos em órbitas laranja (Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno) giram em torno do Sol. Em torno de tudo há uma esfera de estrelas fixas.
Sistema Tychonico.

O sistema Tychonico (ou sistema Tychoniano) era um modelo do sistema solar publicado por Tycho Brahe no fim do século XVI que combinou o que ele viu como os benefícios do sistema Copernicano com os benefícios filosóficos e "físicos" do sistema Ptolemaico. O modelo pode ter sido inspirado por Paul Wittich, um matemático e astrônomo silesiano.[1] Um modelo geoheliocêntrico similar também foi proposto por Nilakantha Somayaji da escola Kerala de astronomia e matemática.[2] [3]

Essencialmente é um modelo geocêntrico com a Terra no centro do Universo. O Sol e a Lua giram em torno da Terra, e os outros cinco planetas giram em torno do Sol. Pode ser demonstrado através de um argumento geométrico que os movimentos dos planetas e do Sol em relação à Terra no sistema Tychonico são equivalentes aos movimentos no sistema copernicano.

Referências

  1. Owen Gingerich, The Book Nobody Read: Chasing the Revolutions of Nicolaus Copernicus, Penguin, ISBN 0143034766
  2. Ramasubramanian, K. (1994), "Modification of the earlier Indian planetary theory by the Kerala astronomers (c. 1500 AD) and the implied heliocentric picture of planetary motion", Current Science 66: 784-90
  3. Joseph, George G. (2000), The Crest of the Peacock: Non-European Roots of Mathematics, p. 408, Princeton University Press, ISBN 978-0-691-00659-8