Sistema prisional

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Sistema prisional ou sistema carcerário é o sistema de encarceramento dos condenados por crimes contra a sociedade.

Sistema carcerário no Brasil[editar | editar código-fonte]

O sistema carcerário no Brasil é conhecido especialmente por suas deficiências, como por exemplo a insalubridade e superlotação das celas, fatores que auxiliam na proliferação de epidemias e ao contágio de doenças, dentre elas o HIV, uma vez que estima-se que cerca de 20% dos presos brasileiros sejam portadores da doença.[1]

Sistema Prisional em Portugal[editar | editar código-fonte]

Em 2004 as penas superiores a dois anos representavam 64% do universo dos reclusos.[2] Em Novembro de 2008 encontravam-se no sistema prisional português: 10988 reclusos, dos quais 10152 homens e 653 mulheres. Estima-se que existem 410350 presos em Portugal.[carece de fontes?]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre prisões. cadeias e presidios é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.