Sonnō jōi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido (desde janeiro de 2009). Ajude e colabore com a tradução.

Sonnō jōi (尊皇攘夷, Reverência ao Imperador, Expulsão dos Bárbaros?) é uma filosofia política e movimento social japonês originado no neo-confucionismo; tornou-se o slogan político nas décadas de 1850s e 1860s no movimento que derrubou os bakufu Tokugawa.


Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas e referências

Fontes impressas[editar | editar código-fonte]

  • Akamatsu, Paul. Meiji 1868: Revolution and Counter-Revolution in Japan. Trans. Miriam Kochan. New York: Harper & Row, 1972.
  • Beasley, W. G. The Meiji Restoration. Stanford: Stanford University Press, 1972.
  • Craig, Albert M. Chōshū in the Meiji Restoration. Cambridge: Harvard University Press, 1961.
  • Jansen, Marius B. and Gilbert Rozman, eds. Japan in Transition: From Tokugawa to Meiji. Princeton: Princeton University Press, 1986.
  • Jansen, Marius B. The Making of Modern Japan. Cambridge: The Belknap Press of Harvard University Press, 2000.
  • Shiba, Ryotaro. The Last Shogun: The Life of Tokugawa Yoshinobu. Kodansha 1998, ISBN 1568362463