Spaniel anão continental

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Spainel anão continental
País de origem  França
Características
Classificação e padrões
Federação Cinológica Internacional
Grupo 9
Seção 9 - Cães de Companhia - epagneul anão continental e pequeno cão russo
Estalão ##77 17 de setembro de 1990

Spaniel anão continental[Nota] é uma raça canina subdividida entre o papillon e o phalène. Essas raças tiveram origem no século XVII, cuja provável descendência vem do spaniel anão espanhol, embora note-se traços do spitz tanto na forma de seu corpo, quanto em sua pelagem. Estes animais são descritos como extremamente limpos e diferem-se apenas nas orelhas: enquanto o papillon (em português: "borboleta") tem as suas em pé, o phalène as apresenta caídas.[1]

Fisicamente pequenos, frágeis e de fácil adestramento, possuem como destaque os seus temperamentos. São descritos como um dos melhores cães de apartamento por serem limpos e facilmente adestráveis, além de não possuírem gosto por latidos, a menos que perceba movimentação não característica perto de seu lar. É ainda dito discreto, tranquilo, fiel, inteligente e curioso. Apesar de ser uma raça pequena, é indicada para provas de agility.[2]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Abaixo as duas variantes do spaniel anão continental:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Fogle (2009), pág 71
  2. Spaniel anão continental Pet Mag. Visitado em 10 de maio de 2011.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Spaniel anão continental
Ícone de esboço Este artigo sobre cães, integrado ao Projeto Cães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.