Speck

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Speck do Tirol Meridional.
Speck em cura.

Speck, Südtiroler Speck ou Speck Alto Adige é um presunto cru, levemente fumado, típico da região do Tirol Meridional, na Itália. Constitui um produto de denominação de origem protegida, de acordo com as normas da União Europeia.

História[editar | editar código-fonte]

Com nomes diferentes, é referido em documentos datados do século XIII. O termo speck, porém, é referido pela primeira vez apenas no século XVIII.

É um produto típico do Tirol Meridional e também da região austríaca contígua do Tirol oriental.

Produzido tradicionalmente de forma artesanal e familiar, começou a ser produzido de forma industrial nos anos 60.

Nos últimos anos, têm sido criados estabelecimentos de produção de speck na região de Vale de Aosta, com o intento de constituir uma nova denominação de origem protegida.

Preparação[editar | editar código-fonte]

Ao contrário de outros presuntos, o pernil que dá origem ao speck é desossado no início da preparação. A carne é então salgada e temperada com alho, louro, zimbro, noz-moscada e outras especiarias. Em seguida, o speck é ligeiramente fumado a baixa temperatura (cerca de 20° C).1 Por fim, é curado durante um período que não deve ultrapassar as 22 semanas,2 sendo periodicamente exposto ao ar fresco dos vales do Tirol Meridional. Este processo confere-lhe um sabor suave a fumo. A cura é realizada em áreas especiais, mantidas sob rigoroso controlo de temperatura e de humidade.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]