Stellar Wind

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
2009, Relatório sobre o Stellar Wind

Stellar Wind é o nome de código de um programa de vigilância eletrônica da Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos. Este programa foi iniciado pelo presidente George W. Bush logo após os ataques de 11 de setembro de 2001.[1] [2] Foi revelado por Thomas Tamm ao The New York Times em 2008.[3]

Na presidência de Barack Obama foi sucedido durante por quatro grandes linhas de coleta de inteligência dentro dos Estados Unidos, abrangendo toda a gama das telecomunicações modernas.

As atividades do programa envolvem mineração dos dados de um grande banco de dados das comunicações de cidadãos americanos, incluindo comunicações por e-mail, conversas telefônicas, transações financeiras e atividades na Internet.[4]

William Binney, um oficial de inteligência líder técnico aposentado da NSA, discutiu alguns dos os elementos arquitetônicos e operacionais do programa no Chaos Communication Congress de 2012.[5] [6]

Origens do Programa[editar | editar código-fonte]

Uma gama de atividades secretas de coleta de inteligência foi autorizada pelo então presidente dos Estados Unidos George W. Bush depois dos ataques de 11 de setembro de 2001. Esta atividades faziam parte do chamado "Programa de Vigilância do Presidente", o PSP. ("President's Surveillance Program", em inglês).O chamado "Programa de vigilancia de Terroristas" ("Terrorist Surveillance Program", em inglês) era uma das partes do PSP.[7]

As informações coletadas como parte deste programa receberam o codinome de Programa Stellar Wind. Em 6 de junho de 2013, foi revelado, com base nos documentos fornecidos por Edward Snowden, que o "Terrorist Surveillance Program" foi substituido pelo PRISM.

Composição[editar | editar código-fonte]

O programa Stellar Wind tem 4 partes sendo duas partes envolvendo o conteúdo das informações e outras duas envolvendo os metadados, segundo explicou o advogado da EFF Kurt Opsahl no Congresso de Comunicação Chaos de dezembro de 2013[8] [9] . A saber:

Telefonia[editar | editar código-fonte]

  • Banco de dados e conjunto de ferramentas de análise de coleta de conteúdo de ligações telefônicas feitas pelo programa "NUCLEON"[10]
  • Banco de dados e conjunto de ferramentas para análise de metadados da coleta de ligações telefônicas feita pelo programa MAINWAY. O correspondente do MAINWAY na coleta de dados da Internet é O MARINA .

Internet[editar | editar código-fonte]

  • Coleta e armazenamento de conteúdo de emails e mensagens de texto pelo programa PINWALE[11] e PRISM
  • Coleta e armazenamento de metadados pelo programa MARINA, que é portanto, um dos banco de dados e conjunto de ferramentas de análise de metadados interceptados da Internet pela NSA; O MAINWAY sendo o correspondente do Marina para dados telefônicos.

Ha ainda o programa EVILOLIVE, que coleta tráfego de internet com localização de IP e dados[12] , e o FASCIA, o banco de dados das localizações.

O nome EVILOLIVE é um palíndromo e um anagrama para "I Love Evil" ("Amo o Mal", em português), segundo revelam os documentos.

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Isikoff, Michael. "The Fed Who Blew the Whistle: Is he a hero or a criminal?", Newsweek, dezembro 13, 2008.
  2. "Is the FBI Up to the Job 10 Years After 9/11?" 28 de abril de 2011.
  3. NSA Inspector General report on the President's Surveillance Program, 24 de março de 24, 2009, pagina 10, nota 3.
  4. Video de Entrevista (ingles)Thomas Drake (2011-10-26). William Edward Binney Collection (Video; 25 Min). Veterans History Project. American Folklife Center of the Library of Congress. Página visitada em 2013-06-29.
  5. Democracy Now!: Parte 2: William Binney, Daniel Ellsberg, Jacob Appelbaum falam sobre WikiLeaks e Vigilancia | Democracy Now!
  6. [1] William Binney em Entrevista (transcrita em espanhol) 23 de Abril de 2012 - Democracy Now!
  7. Relatório das atividades da NSA - Coleta de dados pelo programa Stellar Wind (Inspector general report on email and internet data collection under Stellar Wind – The Guardian - 24 de marco de 2009 (em inglês)
  8. NSA has massive database of Americans' phone calls USATODAY - 11 de maio de 2006
  9. Palestra - video com slides explicativos - "Tudo que se Sabe sobre o PRISM" pelo Advogado da EFF Kurt Opsahl Congresso de Comunicação Chaos - dezembro 2013 -em inglês - CCC-TV - Through a PRISM, Darkly]
  10. An Educated Guess About How the NSA Is Structured por Marc Ambinder - The Atlantic - 14 de agosto de 2013]
  11. Newly declassified documents on phone records program released The Washington Post 31 de julho de 2013
  12. How the NSA is still harvesting your online data The Guardian, 27 de junho de 2013

Ligações externas[editar | editar código-fonte]