Stuck in a Moment You Can't Get Out Of

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Stuck in a Moment You Can't Get Out Of"
Single de U2
do álbum All That You Can't Leave Behind
Lado B "Big Girls Are Best"
Lançamento 1 de janeiro de 2001
Formato(s) CD single, cassete
Gravação HQ em Dublin, Irlanda
Gênero(s) Rock
Duração 4:32 (versão do álbum)
3:42 (radio edit)
Gravadora(s) Island, Interscope
Produção Brian Eno e Daniel Lanois
Cronologia de singles de U2
Último
Último
"Beautiful Day"
(2000)
"Elevation"
(2001)
Próximo
Próximo
Cronologia faixas de All That You Can't Leave Behind
Último
Último
"Beautiful Day"
(1)
"Elevation"
(3)
Próximo
Próximo

"Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" é o segunda single como também a segunda faixa do álbum All That You Can't Leave Behind, da banda de rock irlandesa U2. A música, que se caracteriza pelas melodias gospel e violão, ganhou o "Melhor Performance de Rock por um Duo ou Grupo com Vocais" em 2002.[1] Bono disse que a música foi inspirada por uma conversa fictícia com o seu falecido amigo Michael Hutchence, sobre suicídio.

Composição[editar | editar código-fonte]

Bono escreveu a canção sobre o suicídio de seu amigo Michael Hutchence, cantor líder da banda INXS. A canção foi escrita sob forma de um argumento sobre suicídio, na qual Bono tenta convencer Hutchence a não cometer a loucura do ato.[2]

A estrutura da canção é uma retrospectiva da canção "Sexual Healing", de Marvin Gaye. Bono caracteriza a canção como uma lutaentre amigos, que ele se sentia culpado por nunca ter com Hutchence. Como Bono disse em 2005, "É uma disputa entre companheiros. Você é meio tentar acorda-lo para fora de uma idéia. No meu caso, é uma linha que eu não tinha enquanto ele estava vivo. Sinto o maior respeito que eu poderia pagar para ele, e não apenas uma canção sentimental estúpida. Então eu escrevi uma realmente difícil, levemente desagradável, martelando ao redor da cabeça. E me desculpe, mas foi assim que ele saiu de mim".[3]

Mick Jagger e sua filha Elizabeth gravaram o backing vocal para a canção, embora estes não tivessem feito a mixagem final.[4]

Vídeos[editar | editar código-fonte]

Dois videoclipes foram filmados para a canção.

Um é dirigido por Joseph Kahn, apresenta futebol americano entre no intervalo de "The Fly" e "Lemon", filmado no Houston Astrodome, e contém várias piadas e referências da banda, tais como os nomes das equipes — que foram os títulos dos dois singles lançado nos anos 90. No início, apresenta uma pequena participação de John Madden no vídeo, cujas linhas também possuem várias referências do U2. A maior parte do vídeo mostra um jogador de futebol americano com o nome de Paul Hewson — nome verdadeiro de Bono — forçado a reviver uma meta de fazer a pontuação na área que ele perdeu, acabando a custar para equipe durante o jogo.

O outro vídeo, dirigido por Kevin Godley, mostra Bono sendo jogado fora de uma van em movimento por várias vezes, como se estivesse "preso em um momento" ("stuck in a moment"). No final do vídeo, o resto da banda ajuda-o a levantar.[5]

Covers[editar | editar código-fonte]

O cantor da Somália, K'naan, cantou a música ao vivo em julho de 2010 para o Iheartradio.[6]

Formato e lista de faixas[editar | editar código-fonte]

"Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" foi lançado em 29 de janeiro de 2001 no Reino Unido; em 12 de fevereiro de 2001 na Austrália; em 27 de março na França e 30 de outubro de 2001 no Canadá.

A edição da Austrália incluiu "Beautiful Day" (The Perfecto Mix).

Versão 1
N.º Título Duração
1. "Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" (Album version) 4:32
2. "Big Girls Are Best"   3:37
3. "Beautiful Day" (Quincey and Sonance Mix) 7:55

A edição da Austrália incluiu "Beautiful Day" (David Holmes Remix).

Versão 2
N.º Título Duração
1. "Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" (Album version) 4:32
2. "Beautiful Day" (Live from Farmclub.com) 4:48
3. "New York" (Live from Farmclub.com) 6:01

Disponível apenas na França.

Versão 3
N.º Título Duração
1. "Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" (Album version) 4:32
2. "Big Girls Are Best"   3:37
3. "All I Want Is You" (Live from Manray) 5:26
4. "Even Better Than the Real Thing" (Live from Manray) 3:55

Lançado apenas no Japão, com a maioria dos b-sides dos dois lançamentos de CD normal.

Versão 4
N.º Título Duração
1. "Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" (Album version) 4:32
2. "Beautiful Day" (Live from Farmclub.com) 4:48
3. "New York" (Live from Farmclub.com) 6:01
4. "Big Girls Are Best"   3:37
5. "Beautiful Day" (Quincey and Sonance Mix) 7:55

Lançado no Canadá somente no final de outubro de 2001, também disponível em CD.

Versão 5
N.º Título Duração
1. "Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" (Radio Edit) 3:42
2. "Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" (Acoustic) 3:42
3. "Stay (Faraway, So Close!)" (Live from Toronto) 5:39
4. "Elevation" (Vandit Club Remix) 8:54

B-sides[editar | editar código-fonte]

O single "Stuck in a Moment You Can't Get Out Of" foi apoiado com os seguintes b-sides:

  • "Big Girls Are Best" — Produzido por Flood e Howie B. Essa música foi gravada depois da turnê Popmart Tour. Suas letras incluem uma referência ao hotel Copacabana Palace no Rio de Janeiro, Brasil (na Avenida Atlântica, 1702), onde a banda permaneceu quando eles tocaram no Rio em 1998.
  • "Beautiful Day" (Quincey and Sonance Mix) — Esse remix foi lançado em versão reduzida, em uma promoção do CD, juntamente com a revista Q
  • "Beautiful Day" e "New York" (Live from Farmclub.com) — Esta foi a performance em 27 de outubro de 2000 para o programa de TV americana, durante a turnê promocional do U2 do álbum All That You Can't Leave Behind.
  • "All I Want Is You" e "Even Better Than the Real Thing" (Live from Manray) — A pimeira audição pública de All That You Can't Leave Behind na famosa boate de Paris, foi limitado com uma performance improvisada do U2, a primeira desde o fim da turnê Popmart. Essas duas músicas foram retiradas a partir dessa performance.
  • "Stay (Faraway, So Close!)" (Live from Toronto) — Este desempenho da Elevation Tour foi transmitida ao vivo para o especial de TV, We Know Where You Live, Live!, que foi posteriormente lançado em DVD.
  • "Elevation" (Vandit Club Remix) — Este remix foi feito por Paul Van Dyk.

Versões alternativas[editar | editar código-fonte]

Existem 3 versões desta canção:

  • A versão do álbum, que aparece em All That You Can't Leave Behind. Esta é a versão original da canção.
  • A versão acústica, que aparece no single, assim como no single de "Walk On" e também no EP 7. O mesmo vocal da faixa é usado com um arranjo diferente e despojado.
  • A edição de rádio, que foi utilizado na promoção em rádios nos Estados Unidos. Parte da primeira verso e o outro é editado fora, deixando a canção com cerca de 3:42.

Paradas e posições[editar | editar código-fonte]

Parada (2001) Melhor posição
Austrália Austrália 3[7]
Áustria Áustria 38[8]
Bélgica Bélgica (Flanders) 31[9]
Bélgica Bélgica (Valônia) 33[10]
Dinamarca Dinamarca 9[11]
Finlândia Finlândia 10[12]
França França 31[13]
Países Baixos Holanda 12[14]
República da Irlanda Irlanda 1[15]
Itália Itália 1[16]
Nova Zelândia Nova Zelândia 17[17]
Noruega Noruega 4[18]
Suécia Suécia 23[19]
Suíça Suíça 38[20]
Reino Unido Reino Unido 2[21]
Estados Unidos Billboard Hot 100 52[22]
Estados Unidos Billboard Pop Songs 27[23]
Estados Unidos Billboard Alternative Songs 35[24]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]