Sulfeto de silício

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sulfeto de silício
Alerta sobre risco à saúde
SiS2typeSilica.png
SiS2.png
Nome IUPAC sulfeto de silício(IV)
Outros nomes dissulfeto de silício
Identificadores
Número CAS 13759-10-9
PubChem 83705
Propriedades
Fórmula molecular SiS2
Massa molar 92.218 g/mol
Aparência white, grey, or brown needles
rotten egg smell in moist air
Densidade 1.853 g/cm3
Ponto de fusão

1090 °C (sublimes)

Solubilidade em água decomposes
Estrutura
Estrutura cristalina orthorhombic, rhombohedral
Grupo de espaço Ibam, No.72[1]
Geometria de
coordenação
tetrahedral
Farmacologia
Riscos associados
NFPA 704
NFPA 704.svg
2
2
3
 
Compostos relacionados
Outros aniões/ânions dióxido de silício
Outros catiões/cátions dissulfeto de carbono
dissulfeto de germânio
dissulfeto de estanho
dissulfeto de chumbo
Excepto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições PTN

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Sulfeto de silício(IV) é o composto com fórmula química SiS2.

Síntese, estrutura e propriedades[editar | editar código-fonte]

Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.

Forma-se o material pelo aquecimento de de silício e enxofre, ou pela reação de dupla troca entre SiO2 e Al2S3. Sua estrutura são cadeias de tetraedros ligados pelas arestas: Si(μ-S)2Si(μS)2 etc. A distância Si---Si é de 214 picometros, menor que as distâncias usuais das ligações simples Si-Si.[2]

Analogamente a outros compostos silício-enxofre (como o sulfeto de bis(trimetilsilil)), SiS2 é rapidamente hidrolizado, liberando H2S.

Existem evidências de SiS2 em alguns objetos interestelares.[3]

Referências

  1. Weiss A.. (1954). "Zur Kenntnis der faserigen Siliciumdioxyd-Modifikation". Zeitschrift fuer Anorganische und Allgemeine Chemie 276: 95–112 pp..
  2. Holleman, A. F.; Wiberg, E. "Inorganic Chemistry" Academic Press: San Diego, 2001. ISBN 0-12-352651-5.
  3. Goebel, J. H., "SiS2 in Circumstellar Shells," Astronomy and Astrophysics, 278, 226 (1993)