Superhero Movie

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Superhero Movie
Superhero Movie - Um Estrondo de Filme! (PT)
Super-Herói: O Filme (BR)
Pôster de divulgação.
 Estados Unidos
2008 • cor • 75 min 
Direção Craig Mazin
Produção David Zucker
Robert K. Weiss
Roteiro Craig Mazin
Elenco Drake Bell
Sara Paxton
Christopher McDonald
Leslie Nielsen
Kevin Hart
Brent Spiner
Jeffrey Tambor
Regina Hall
Gênero Comédia
Idioma Inglês
Música James L. Venable
Drake Bell
Cinematografia Thomas E. Ackerman
Distribuição Dimension Films
Metro Goldwyn Mayer
Lançamento Estados Unidos 28 de Março de 2008
Brasil 18 de Abril de 2008
Orçamento US$ 35 milhões[1]
Receita US$ 71.237.351[2]
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Superhero Movie (Super-Herói: O Filme (título no Brasil) ou Superhero Movie - Um Estrondo de Filme! (título em Portugal)) é um filme estadunidense de 2008, do gênero comédia, escrito e dirigido por Craig Mazin. É uma paródia aos filmes e aos próprios super-heróis. Dos mesmos autores da série cinematográfica Todo Mundo Em Pânico.

No decorrer da história ocorrem diversas batalhas cômicas e acontecimentos inesperados entre os personagens. Super-Herói - O Filme reúne parodicamente filmes dos super-heróis Homem-Aranha, Superman, Batman, X-Men e outros. Outras piadas sobre a cultura popular dos Estados Unidos são vistas durante todo o filme.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Rick Riker é um estudante impopular na escola secundária, com um único amigo (Trey). Ele mora com seu tio Albert e a Tia Lucilia. É apaixonado por Jill Johnson, que mal nota a existência dele e namora o rival Lance Landers. Rick e Trey vão numa excursão escolar a um laboratório de pesquisa animal. Nesse lugar, Rick conhece Lou Landers e percebe que o homem está com algum problema de saúde. Dr. Strom, o pesquisador-chefe do laboratório, mostra aos alunos suas sete libélulas geneticamente alteradas mas no compartimento de vidro estão apenas seis pois uma escapou. Rick é picado pelo animal fugidio e começa a sofrer inchaços e erupções na pele.

Rick chega em casa bastante mal. Seus tios estavam conversando no sofá quando Rick entra e notam que o sobrinho estava agindo de maneira estranha. Acreditam que seja efeito da puberdade e tio Albert vai ao seu quarto conversar sobre isso, mas Rick logo cai no sono.

Rick acorda na manhã seguinte, com um estranho vídeo que recebeu de um homem que o conheceu no Facebook. Enquanto isso, Lou Landers sofre um acidente e se transforma no supervilão Ampulheta (Hourglass), que se alimenta da vida humana como um vampiro. Em uma feira de ciências Rick encontra um cômico, rude e mesquinho Stephen Hawking (sucessivamente ferido durante todo o filme). O estudante sofre acidentes, tais como ficar preso a fontes de água. Todo esse episódio faz com que ele descubra que tem superpoderes, tais como a capacidade de andar em paredes, além de uma força incrível. Mas fica frustrado ao não poder voar. Ele testa sua força em um beco e anda pelas paredes. Ali dança break. Avista uma idosa prestes a ser atropelada por um caminhão na estrada e a empurra do caminho, colidindo com o caminhão. No entanto, com o empurrão a senhora acaba por morrer.

Trey oferece para ser seu ajudante, mas Rick não aceita. Tio Albert conta a Rick sobre os pais que morreram num assalto (paródia de Batman Begins). Infelizmente Rick perdeu a fortuna que herdou, ao ouvir o conselho de seu pai moribundo que pediu que ele investisse seu dinheiro na Enron ao invés da Google.

Rick depois observa a garota de seus sonhos, Jill, que sai com o Lance em seu carro. Rick quer um carro, e ele sai para obter o dinheiro do banco. Ele não consegue, porém, qualquer crédito ou pagamento.

Depois que seu tio é ferido, Rick conhece Charles Xavier e sua escola para mutantes (X-Men). Rick é aconselhado a fazer um traje pela Sr.ª Xavier e assim ele se torna o super-herói Libélula. Rapidamente é uma nova sensação até ser derrotado pelo Ampulheta, que acaba cortando-o com pequenas lâminas e depois foge.

Jill então é vista andando em um beco e é atacada por bandidos, mas o Libélula a salva. Os dois então tentam se beijar, mas encontram dificuldades por causa de Libélula estar pendurado de cabeça para baixo. Finalmente se beijam pela primeira vez.

A seguir ocorre um jantar de Ação de Graças na casa de Rick. Durante a Ação de Graças, Landers visita a família (ninguém sabe que ele é o Ampulheta). Quase surpreende Rick vestido como o Libélula.

Assim que Rick e Jill estão prestes a se beijarem, o Ampulheta volta e mata a tia Lucille. Depois de um funeral cômico, Rick decide desistir de ser super-herói.

Trey e Tio Albert encontram Rick depois do funeral, e tentam convencê-lo a encontrar e derrotar o Ampulheta. Na cerimônia, o vilão elabora um plano para tornar-se imortal, matando milhares de pessoas. Rick descobre onde ele planeja fazer isso, uma convenção internacional. Lou encontra Rick e o faz pensar que ele está disfarçado como o Dalai Lama. Reaparece como o Ampulheta e luta com o Libélula, soterrando-o sob entulhos.

Depois de um discurso sincero dito por Stephen Hawking, Rick e Ampulheta brigam no telhado. Lou Landers, explode. Jill, que estava aprisionada pelo Ampulheta, cai. Libélula pula para salvá-la, e ela descobre que ele é Rick. Jill é salva e surgem asas no Libélula que assim consegue voar.

Final alternativo[editar | editar código-fonte]

Em vez de a batalha de Ampulheta e Rick ser no terraço, a luta acontece dentro da convenção de quadrinhos, onde Ampulheta começa a matar as pessoas, mas Rick adquire suas asas e traz Jill de volta, e destruindo a maquina, derrotando Ampulheta. Jill descobre que Libélula é Rick, depois ele remove a mascara de Ampulheta, descobrindo que ele é Lou Landers, Lance percebe que Libélula matou seu tio e tenta matá-lo com uma lâmina de titânio, mas Trey o impede batendo o prémio de Babaca do Ano nele. Depois Jill vê que uma das bombas de Ampuleta estava acionada, então em vez de Steven Hawking cair do prédio, Rick joga a bomba debaixo de sua cadeira de rodas, ele foi lançado para o alto e cai no chão, sendo esmagado por sua cadeira. A cena do helicóptero é omitida a partir desta versão.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

"Superhero! Song"
Single de Drake Bell
Lançamento Estados Unidos 8 de Abril de 2008
Formato(s) Download digital
Gravação 2008
Gênero(s) Pop rock
Duração 3:14
Gravadora(s) Motown/Universal/Universal Motown/Universal Republic Group
Composição Drake Bell, Michael Corcoran
Produção Backhouse Mike

A estrela do filme Drake Bell compôs (junto com Michael Corcoran) e gravou uma canção para o filme, intitulado "Superhero! Song" durante pós-produção do filme. Sara Paxton emprestou vocais para a canção. Esta canção pode ser ouvida nos créditos do filme, no entanto, a música é creditada como "Superbounce". Ela foi publicada originalmente na página musical de Bell no site MySpace. Foi lançado na iTunes Store como um único download digital em 8 de Abril de 2008.

Sara Paxton também canta a segunda canção ouvida durante os créditos, intitulado "I Need A Hero" (não confundir com Holding Out for a Hero de Bonnie Tyler), que ela também escreveu com Michael e Jay Johnny Pedersen.

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Foi lançada no dia 27 de Março de 2008 na Rússia, 18 de abril no Brasil e 21 de Agosto em Portugal, ambos no ano de 2008.

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

Em seu fim de semana de estreia, o filme arrecadou $ 9,510,297 em 2.960 cinemas com média de $3,212 por sala e ficando em terceiro lugar nas bilheterias. A partir de 25 de Junho o filme já arrecadou $25,881,068 na América do Norte e $45,285,554 no exterior para um total mundial de $71,166,622.

DVD e blu-ray[editar | editar código-fonte]

Super-Herói: O Filme foi lançado em DVD no dia 8 de Julho de 2008 e mais tarde em blu-ray. Foi lançado na classificação americana PG-13 e com duas versões: uma normal (75 min) e outra estendida (81 min). Os comentários do DVD e blu-ray foram feitos por Zucker, Weiss, e Mazin. Ambos formatos também possui cenas deletadas e um final alternativo.

Crítica[editar | editar código-fonte]

Superhero Movie tem recepção geralmente desfavorável pelos críticos profissionais. Com a pontuação de 16% em base de 51 avaliações, o Rotten Tomatoes chegou ao consenso: "Superhero Movie não é o pior do gênero paródia, mas depende de gags cansados ​​e referências à cultura pop todas iguais".[3]

Referências

  1. How to Watch Superhero Movie eHow. Página visitada em 28 de agosto de 2010.
  2. Superhero Movie no Box Office Mojo Box Office Mojo. Página visitada em 28 de agosto de 2010.
  3. Superhero Movie - Rotten Tomatoes (em inglês). Página visitada em 10 de dezembro de 2013.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]