Susan Smith

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Susan Smith
Nome Susan Leigh Vaughan Smith
Nascimento 26 de Julho de 1971 (43 anos)
Union, Carolina do Sul
 Estados Unidos
Crime(s) Assassínio de seus dois filhos
Pena Condenada em 22 de julho de 1995 à Prisão perpétua

Susan Leigh Vaughan Smith (nascida em 26 de setembro de 1971) é uma americana que foi condenada à Prisão perpétua pelo assassinato de seus próprios filhos. Nascida em Union, Carolina do Sul, ex-aluna da University of South Carolina Union, ela foi condenada em 22 de julho de 1995 por assassinar seus dois filhos, um de 3 anos de idade, Michael Daniel Smith, nascido em 10 de outubro de 1991, e um de 14 meses de idade, Alexander Tyler Smith, nascido em 5 de agosto de 1993.  O caso ganhou atenção mundial pouco depois de desenvolvido, devido à sua alegação de que um homem negro havia roubado seu carro e sequestrado seus filhos. Mais tarde, ela alegou que ela sofria de problemas de saúde mental que a fazia perder o juízo.

Leia também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:
  • Biografia

Livros[editar | editar código-fonte]

  • Rekers, George. Susan Smith: Victim or Murderer. [S.l.]: Glenbridge Publishing, September-1995. ISBN 0-944435-38-6.
  • Russell, Linda; Stephens, Shirley. My Daughter Susan Smith. [S.l.]: Authors Book Nook, April-2000. ISBN 978-0-9701076-1-9.
  • Smith, David. Beyond All Reason: My Life With Susan Smith. [S.l.]: Zebra, July-1995. ISBN 978-0-8217-5220-3.

Referências

  • South Carolina Law Enforcement Division (SLED); SLED Latent Print and Crime Scene Worksheet: Floatation Characteristics of 1990 Mazda Protege; May 24, 1995

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre criminosos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.