T. J. Hooker

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
T. J. Hooker
Carro Comando (BR)
Informação geral
Formato Seriado
Género Policial
País de origem  Estados Unidos
Idioma original Inglês
Produção
Elenco William Shatner
Adrian Zmed
Heather Locklear
Richard Herd
James Darren
Exibição
Transmissão original Março de 1982 - Maio de 1986
Nº de temporadas 5
Nº de episódios 92

T. J. Hooker (br: Carro Comando) é uma série televisiva, que foi produzida nos Estados Unidos de março de 1982 a maio de 1986, perfazendo um total de 92 episódios. No Brasil, a série foi exibida na Rede Globo (somente as duas primeiras temporadas), de fevereiro de 1983 a julho de 1985. Depois, a série foi para o SBT, que exibiu a série até o seu final, de agosto de 1985 a fevereiro de 1988. A TV Record exibiu de agosto de 1994 à Março de 1998.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Ao trabalhar como investigador à paisana em uma de suas inúmeras missões, o sargento Hooker (William Shatner, famoso por interpretar o Capitão Kirk, na série Jornada nas Estrelas), acaba tendo o seu parceiro assassinado. Após tal episódio, Hooker decide voltar para a Academia de Polícia, com o objetivo de treinar os jovens cadetes da academia, dando-lhes um misto do treinamento acadêmico, com a experiência vivida nas ruas, com o objetivo de limpar a cidade de Los Angeles de gente como a que vitimou seu antigo parceiro. Hooker dividia seu tempo entre o treinamento de cadetes e a patrulha das ruas, sempre sob a supervisão do Capitão Sheridan (Richard Herd). Entre os cadetes que se destacaram na academia estavam o jovem Vince Romano (Adrian Zmed), incansável parceiro de Hooker nas ruas, se tornando grandes amigos, que se trabalhavam com a unidade código 4ADAM30. Em outro lado das investigações estavam o veterano agente Jim Corrigan (James Darren, famoso por interpretar o cientista Tony Newman, na série Túnel do Tempo) e Stacy Sheridan (Heather Locklear, famosa como Amanda Peet, na série Melrose Place), que era filha do Capitão Sheridan. Corrigan e Sheridan trabalhavam com a unidade código 4ADAM16.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Aproveitando a onda deixada por outra série policial, Chips, tal série foi um grande sucesso, tanto nos Estados Unidos, quanto no Brasil, pois a série refletia a vida cotidiana dos policiais, com e sem a farda, cuja imagem foi melhorada.
  • No final de cada episódio, o personagem Hooker não perdia a chance de dar uma lição de moral, que, na maioria das vezes, sempre era aplicada ao caso que estava investigando.
  • A série começou com uma personagem feminina, a Oficial Vicky Taylor (April Clough) na primeira temporada, mas a personagem saiu no final da primeira temporada. A solução foi colocar a atriz Heather Locklear para interpretar Stacy Sheridan, a filha do capitão. Como a participação da personagem foi crescendo durante a série. Consequentemente, a série ganhou uma grande legião de fãs femininas.
  • Foram lançados inúmeros brinquedos referentes à série. No Brasil, os brinquedos foram fabricados pela Glasslite. Nos Estados Unidos, tais brinquedos ficaram a cargo da empresa Fleet Wood.
  • Apesar de ser parte integrante da série, o ator James Darren, que interpretava o detetive Jim Corrigan, não tinha seu nome creditado na abertura da série. Isso foi corrigido a partir da 3ª temporada, quando seu nome passou a constar da abertura.
  • A série já foi lançada em DVD nos Estados Unidos, mas não há previsão de lançamento no Brasil.
  • William Shatner deu algumas "dicas" de como deve ser um policial de TV e se referiu ao seu papel em T.J.Hooker, ao aparecer como ele mesmo no filme "Showtime" de 2002.

Elenco[editar | editar código-fonte]


Dublagem Brasileira

Versão brasileira: Herbert Richers

Ícone de esboço Este artigo sobre séries de televisão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.