TV Rá-Tim-Bum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
TV Rá-Tim-Bum
Logotipo do canal
País Brasil Brasil
Fundação 1 de dezembro de 2004 (9 anos)
Pertence a Fundação Padre Anchieta
Cobertura internacional Estados Unidos 2007
Portugal 2009
Página oficial Site oficial
Disponibilidade por satélite
SKY Brasil
Canal 102
Claro TV
Canal 103
Vivo TV
Canal 317
Oi TV
Canal 97
Canal 121 (Satélite SES-6)
CTBC TV
Canal 324
GVT TV
Canal 29
Disponibilidade por cabo
NET
Canal 109 [1]
Vivo TV
Canal 29
TV Alphaville
Canal 35
TVN
Canal 72 (São Luís)
Canal 74 (Canoas)
BVCi
Canal 30
Cabo Telecom
Canal 410
TCM
Canal 54

TV Rá-Tim-Bum é um canal de televisão brasileiro fundado em dezembro de 2004, que pertence à Fundação Padre Anchieta, dedicado ao público infantil. O canal exibe programação 100% composta de produções nacionais, divididas entre programas infantis que já foram exibidos na TV Cultura, produções próprias e co-prod uções com estúdios de animação brasileiros de vários Estados.

Em 2007, tornou-se disponível nos Estados Unidos[2] . Em 2009, a emissora tornou-se disponível em Portugal[3] .

Os principais programas são: Vila Sésamo, Cocoricó, Simão e Bartolomeu, Show do DJ Cão, Pequenos Cientistas, Tchibum TV, e Baú de Histórias. Em 2011, o canal teve três indicações para a quinta edição do Prix Jeunesse Iberoamericano, com O papel das histórias na categoria Até 6 anos; Física Divertida e Traçando arte na categoria 7 a 11 anos não-ficção[4] [5] .

A TV Rá-Tim-Bum renova sua programação mensalmente, habitualmente com a estréia de um novo programa no início de cada mês.

Programação[editar | editar código-fonte]

Programação Original[editar | editar código-fonte]

Live-action
Desenhos animados

Programação Adquirida[editar | editar código-fonte]

Obs: A maioria delas tem como origem da TV Cultura.

Live-action
Desenhos animados

Programação Para os Pais[editar | editar código-fonte]

São programas direcionados para o público juvenil e adulto. Em 2010 a TV Rá Tim Bum começou uma parceria com a HCTV (canal de televisão do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo) para a exibição de programas voltados aos pais.[6] [7]

Site[editar | editar código-fonte]

O site oficial da TV Rá Tim Bum foi criado no início de 2008 trazendo vídeos, imagens, atividades e jogos de conteúdo educativo, informações para os pais e um espaço para as crianças deixarem recados para seus programas preferidos.

O site possui também uma rádio virtual onde se pode ouvir 150 faixas musicais diferentes de programas como Vila Sésamo e Cocoricó[8] .

Jogos de Internet[editar | editar código-fonte]

São jogos criados pelas empresas Sunag Entertainment, Tortuga Studios e pela equipe própria do site da TV Rá Tim Bum, disponíveis no site.

Sunag

  • Simão e Bartolomeu:uma aventura na selva
  • Jogo Som na Caixa com DJ Cão
  • Tchibum TV - Aventura no Fundo do Mar
  • Caça-Profissões

Tortuga

  • Jogo do Balão do Traçando Arte
  • Corrida dos Pequenos Cientistas
  • Jogo das Canecas do Dj Cão
  • Jogo de pesos e medidas do Passeio Animal
  • Nilo Caça-Estrelas
  • DJ Cão surfando no asfalto
  • Simão vai à Lua
  • Jogo da Memória do Baú de Histórias
  • Tchibum TV - Desafio das bolhas
  • Traçando Arte - Jogo do Balão
  • Corrida do Lelie

Positivo Informática

Jogos dos DVDs de atividades do Cocoricó cedidos pela Positivo Informática e adaptados para a internet.

  • Cocoricó - Montando as Figuras
  • Cocoricó - Jogo das Palavras

TV Rá Tim Bum

  • Cocoricó - Jogo das 7 Diferenças
  • Ilha Rá Tim Bum - Jogo das Coordenadas
  • Ilha Rá Tim Bum - Memória da Ilha
  • Ilha Rá Tim Bum - Que Coisa é essa?
  • O Jogo da Reciclagem
  • Cocoricó - Jogo das Letras e Números

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Devido a operadora de televisão por assinatura SKY a Fundação Padre Anchieta dona do canal estuda fazer um manifesto público, segundo a mesma o canal anteriormente era distribuído em 16 pacotes atualmente é exibido apenas por um. Ainda segundo a fundação o 'bloqueio' da operadora travou o crescimento do canal já que o sinal é transmitido atualmente para 4 milhões de clientes.[9] [10]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]