Tamassint

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Marrocos Tamassint
تاماسينت , Tāmāssīnt
Imrabten (comuna)
 
—  Localidade  —
Tamassint está localizado em: Marrocos
Tamassint
Localização de Tamassint em Marrocos
35° 4' 26" N 3° 57' 36" O
Região Taza-Al Hoceima-Taounate
Província Al Hoceima
Comuna Imrabten
Altitude 300 m (984 pés)
População (2004)[1] [2]
 - Total 1 788
 - Estimativa (2012) 1 553
Zoco semanal terça-feira e domingo

Tamassint, por vezes grafada Tamasint (em árabe: تاماسينت; transl.: Tāmāssīnt) é uma vila do norte de Marrocos, que faz parte da comuna rural de Imrabten, da província de Al Hoceima e da região de Taza-Al Hoceima-Taounate. Em 2004 tinha 1 788 habitantes[1] e estimava-se que em 2012 tivesse 1 553.[2] A comuna de Imrabten tinha 10 098 habitantes em 2004.[1]

Há pelo menos mais três pequenas localidades chamadas Tamassint, uma nas montanhas a norte de Agadir, outra a noroeste de Boumalne Dadès e outra no deserto, entre Rissani e Zagora.[carece de fontes?]

A Tamassint da província de Al Hoceima encontra-se na região montanhosa do Rife, cerca de 30 km por estrada a sul de Al Hoceima, 260 km a sudeste de Tetuão e 140 km a oeste de Melilla. A comuna tem várias outras aldeias (ou douars), como Ait El Cadi, Idadouchen, Zaouiat Sidi Issa, Ait Aziz, e Aghlide.[b] A região é habitada por berberes rifenhos da tribo Beni Urriaguel.[a]

Foi um dos centros da rebelião de Abd-el-Krim al-Khatabi durante a Guerra do Rife (1920-1926) e é a terra natal de Haddou Akchich, líder da Revolta do Rife, ocorrida no final dos anos 1950, pouco depois da independência de Marrocos. Em 1957, durante essa revolta, o exército marroquino ocupou a vila depois de a ter cercado e levou a cabo um massacre entre a população local. Akchich foi preso por essa altura e nunca mais se soube do seu paradeiro.[b][3]

Em 24 de fevereiro de 2004, o sismo de Al Hoceima causou grandes estragos na região. Muitas pessoas viveram em tendas durante muito tempo, o que originou protestos em 2005 que foram duramente reprimidos pelas autoridades marroquinas.[a][3]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

[a] ^ Techo baseado na tradução na tradução do artigo «Tamassint» na Wikipédia em neerlandês (acessado nesta versão).
[b] ^ Techo baseado na tradução na tradução do artigo «Tamassint» na Wikipédia em espanhol (acessado nesta versão).
  1. a b c Royaume du Maroc - Haut-Comissariat au Plan. Recensement général de la population et de l'habitat 2004 (em francês) www.lavieeco.com. Jornal La Vie éco. Página visitada em 18 de junho de 2012.
  2. a b Maroc: Les villes les plus grandes avec des statistiques de la population (em francês) gazetteer.de. World Gazeteer. Página visitada em 18 de junho de 2012.
  3. a b (junho 2005) "Caravan in solidarity with Tamassint inhabitants" (em inglês). International Viewpoint, (368). Fourth International. ISSN 1294-2495. Página visitada em 19 de junho de 2012. Cópia arquivada em archive.org em 20 de dezembro de 2010.


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de Marrocos, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.