Tangut

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Amostra da escrita Xi-Xia (西夏文), utilizada pelos tangut.

Os tangut identificados com o estado de Xia Ocidental foram considerados tradicionalmente um grupo étnico quiânguico que teria se deslocado ao noroeste da China antes do século X. Pesquisas recentes, no entanto, indicam que o termo "tangut" provavelmente representava o povo donghu, com o sufixo "-t", em mongol, significando "povo".[1] [2] Enquanto "Donghu" seria uma transcrição para o chinês, seu equivalente mongol era "Tünghu".[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Os mongóis se referiam aos grupos étnicos que viviam entre os jurchens e eles próprios como "Jāūqŭt", "Jaquit" e "Joyit", todas terminações com "-t". Ver Fei, Xiaotong [费孝通] (1999). Zhonghua min zu duo yuan yi ti ge ju [A Estrutura da Diversidade na União da Nacionalidade Chinesa] 中华民族多元一体格局. Pequim [北京], Zhongyang min zu da xue chu ban she [Editora da Universidade das Nacionalidades Centrais] 中央民族大学出版社. p. 179.
  2. A transcrição chinesa de "Tangut" era "Tang wu ti", que passou a ser interpretado como "o povo do Xia Ocidental". Ver Lü, Jianfu [呂建福], 2002. Tu zu shi [A História dos Tu] 土族史. Pequim [北京], Zhongguo she hui ke xue chu ban she [Editora das Ciências Sociais Chinesas] 中囯社会科学出版社. p. 315.
  3. Hao, Weimin (郝维民) e Qimudedaoerji (齐木德道尔吉), 2007, Neimenggu tong shi gang yao [Sumário da História Compreensiva da Mongólia Interior] 内蒙古通史纲要. Pequim (北京), Renmin chu ban she [Editora do Povo] 人民出版社. p. 17).
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.