Tecnólogo em logística

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde dezembro de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Porto de Elizabeth em Nova Jersey

O Tecnólogo em Logística é o profissional especializado em armazenagem, distribuição, transporte, processamento de pedidos, manuseio e matérias e embalagem.

Atuando na área logística de uma empresa, planeja e coordena a movimentação física e de informações sobre as operações multimodais de transporte, para proporcionar fluxo otimizado e de qualidade para peças, matérias-primas e produtos. Ele gerencia redes de distribuição e unidades logísticas, estabelecendo processos de compras, identificando fornecedores, negociando e estabelecendo padrões de recebimento, armazenamento, movimentação e embalagem de materiais, podendo ainda ocupar-se do inventário de estoques, sistemas de abastecimento, programação e monitoramento do fluxo de pedidos em geral. .

O profissional de Logística é responsável por gerar recursos e dados a empresa.Está ligada a economia administração estatística e contabilidade.

O foco desse profissional deve ser baseado na definição da logística do Council of Supply Chain Management Professionals (CSCMP):

"Gerenciamento logístico é a parte do gerenciamento da cadeia de suprimento que planeja, implementa e controla, de maneira eficiente e eficaz, o fluxo direto e reverso e armazenagem de bens e serviços e informações relacionadas, entre o ponto de origem e o de consumo, com vistas ao atendimento das necessidades dos consumidores".

Segundo analistas de recursos humanos, a média salarial varia de acordo com a empresa, com o setor em que ele atua e com a sua especialização.

Algumas disciplinas abordadas[editar | editar código-fonte]

O curso é composto por três conjuntos de disciplinas:

Básicas: Estatística, Contabilidade, Matemática e Custos

Complementares: Comunicação Empresarial, Modelos de Gestão, Projetos, Princípios da Pesquisa Operacional, Planejamento e Controle da Produção, Estratégia Empresarial, Legislação Tributária, Planejamento de Carreiras, Ética e Responsabilidade Social, Técnicas de Apresentação e Tomada de Decisão.

Especificas: Fundamentos de Logística, Estoques, Movimentação e Armazenagem de Materiais, Localização de instalações, Distribuição e Transporte, Logística Internacional, Serviços a Clientes, Qualidade em Processos Logísticos e Cadeia de Suprimentos.

Carga Horária[editar | editar código-fonte]

Mínimo requirido pelo MEC 1600 horas.

Ocupações[editar | editar código-fonte]

De acordo com algumas empresas de recursos humanos, o Tecnólogo em Logística tem a qualificação para assumir os seguintes cargos: Controlador, Encarregado de Estocagem, Chefe de Estocagem, Analista de Logística, Encarregado de Logística, Analista de Expedição, Encarregado de Expedição, Assistente de Almoxarifado, Encarregado de Almoxarifado, Assistente Técnico, Técnico em Modais, Coordenador Técnico ou Coordenador Industrial de acordo com sua experiência e ainda como Consultor Técnico em Modais e manutenção de equipamentos com base em especialização.

Referências[editar | editar código-fonte]

http://www.administradores.com.br/artigos/academico/as-principais-areas-de-atuacao-e-atribuicoes-da-logistica/70759/


Área de Atuação[editar | editar código-fonte]

Suas atribuições envolvem:

  • Planejamento e coordenação de atividades logísticas;
  • Gerenciamento de redes de distribuição;
  • Gerenciamento de processos de compras;
  • Gerenciamento de estoques;
  • Gerenciamento de serviços aos clientes;
  • Otimização de sistemas empresariais.
  • Gestão de processos produtivos;
  • Gestão da qualidade;
  • Gerenciamento operacional;

Pode-se dizer que a logística é responsável pelo processo físico integral do produto, desde a obtenção de insumos até o planejamento para o descarte do mesmo, passando pelas fases de produção, armazenagem e distribuição dos produtos finais, influenciando também nos setores de vendas e marketing ao prover as soluções necessárias para garantir a disponibilidade do produto no momento exato do requisitado pelo cliente.

O tecnólogo em logística poderá trabalhar em fábricas, portos, aeroportos, empresa de transporte, atacadistas e varejistas, em empresas publica ou privada ter conhecimento e logística nacional e internacional, elaborar laudos e projetos.

Uma área que esta em constante crescimento. O profissional que investir nesta área se qualificar fazer cursos complementares poderá concorrer a vagas com salário inicial que variam de 2 a 4 salários e profissionais com ampla experiência podem obter salários acima disto.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Logística é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.