Television Infrared Observation Satellite

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido (desde julho de 2013). Ajude e colabore com a tradução.
O satélite TIROS 6.
Primeira imagem de TV da Terra obtida a partir do espaço.

TIROS, sigla de Television Infrared Observation Satellite, é a denominação da série dos primeiros satélites meteorológicos lançados pelos Estados Unidos, começando com o TIROS-1 em 1960. O TIROS foi o primeiro satélite com capacidade para o sensoriamento remoto da Terra, permitindo aos cientistas observar a Terra de uma nova perspectiva: o espaço. [1]

O programa foi extremamente bem sucedido, provando as enormes vantagens no uso de satélites para observações climáticas numa escala de tempo, sendo uma das causas do sucesso a sua extrema simplicidade.[2]

As instituições que participaram desse projeto, incluiram: a NASA, o United States Army Signal Research and Development Lab, a Radio Corporation of America, o United States Weather Bureau, e o United States Naval Photographic Interpretation Center.[3]

Os satélites[editar | editar código-fonte]

Primeira geração[editar | editar código-fonte]

  • TIROS-1 (A): lançado em 1 de Abril de 1960, sofreu falhas no sistema elétrico em 15 de Junho de 1960
  • TIROS-2 (B): lançado em 23 de Novembro de 1960, falhou em 22 de Janeiro de 1961
  • TIROS-3 (C): lançado em 12 de Julho de 1961, desativado em 28 de Fevereiro de 1962
  • TIROS-4 (D): lançado em 8 de Fevereiro de 1962, falhou em 30 de Junho de 1962 (ambas as cameras falharam antes)
  • TIROS-5 (E): lançado em 19 de Junho de 1962, falhou em 13 de Maio de 1963
  • TIROS-6 (F): lançado em 18 de Setembro de 1962, falhou em 21 de Outubro de 1963
  • TIROS-7 (G): lançado em 19 de Junho de 1963, desativado em 3 de Junho de 1968
  • TIROS-8 (H): lançado em 21 de Dezembro de 1963, desativado em 1 de Julho de 1967
  • TIROS-9 (I): lançado em 22 de Janeiro de 1965, falhou em 15 de Fevereiro de 1967. Primeiro satélite TIROS em órbita quase polar
  • TIROS-10 (OT-1): lançado em 2 de Julho de 1965, desativado em 31 de Julho de 1966

Em Junho de 2009, todos os satélites TIROS lançados entre 1960 e 1965 (com exceção do TIROS-7) ainda estavam em órbita.[4]

Segunda geração[editar | editar código-fonte]

ITOS/TIROS-M[editar | editar código-fonte]

  • TIROS-M (ITOS-1): 23 de Janeiro de 1970, lançamento
  • NOAA-1 (ITOS-A): 11 de Dezembro de 1970, lançamento
  • ITOS-B 21 de Outubro de 1971 lançamento; órbita não utilizável
  • ITOS-C
  • NOAA-2 (ITOS-D): 15 de Outubro de 1972, lançamento
  • ITOS-E 16 de Julho de 1973, lançamento; falhou em orbitar
  • NOAA-3 (ITOS-F): 6 de Novembro de 1973, lançamento
  • NOAA-4 (ITOS-G): 15 de Novembro de 1974, lançamento
  • NOAA-5 (ITOS-H): 29 de Julho de 1976, lançamento

TIROS-N[editar | editar código-fonte]

  • TIROS-N: lançado em 13 de Outubro de 1978
  • NOAA-6 (A): lançado em 27 de Junho de 1979
  • NOAA-B: lançado em 29 de Maio de 1980. Falhou em conseguir uma órbita utilizável devido a uma falha no motor do foguete.[5]
  • NOAA-7 (C): lançado em 23 de Junho de 1981

TIROS-N avançado[editar | editar código-fonte]

  • NOAA-8 (E): NOAA-E lançado em 28 de Março de 1983 fora da sequencia (antes do NOAA-D) para se tornar o primeiro satélite americano de busca e salvamento operacional.[5]
  • NOAA-9 (F): lançado em 12 de Dezembro de 1984
  • NOAA-10 (G): lançado em 17 de Setembro de 1986
  • NOAA-11 (H): lançado em 24 de Setembro de 1988
  • NOAA-12 (D): NOAA-D lançado em 14 de Maio de 1991 e desativado em 10 de Agosto de 2007 atingindo um recorde de vida útil de mais de 16 anos.[5]
  • NOAA-13 (I): lançado em 9 de Agosto de 1993; duas semanas depois do lançamento o satélite sofreu uma falha completa do sistema de alimentação.[5]
  • NOAA-14 (J): lançado em 30 de Dezembro de 1994
  • NOAA-15 (K): lançado em 13 de Maio de 1998
  • NOAA-16 (L): lançado em 21 de Setembro de 2000
  • NOAA-17 (M): lançado em 24 de Junho de 2002
  • NOAA-18 (N): lançado em 20 de Maio de 2005
  • NOAA-19 (N Prime): lançado em 6 de Fevereiro de 2009[6]

Referências

  1. Space-Based Remote Sensing of the Earth: A Report to the Congress NASA NASA Technical Reports Server. Visitado em 4 October 2011.
  2. Modern Mechanix: How Tiros Photographs the World
  3. EXPLORES! (EXPloring and Learning the Operations and Resources of Environmental Satellites!)
  4. U.S. Space Objects Registry Bureau of Oceans and International Environmental and Scientific Affairs. Visitado em 2009-06-25.
  5. a b c d NOAA-N Prime NP-2008-10-056-GSFC NASA Goddard Space Flight Center (16 December 2008). Visitado em 8 October 2010.
  6. Justin Ray. "History Abounds in Launch of Crucial Weather Satellite", 'Spaceflight Now', February 6, 2009. Página visitada em 25 October 2010. “A last-of-its-kind weather observatory...”

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Television Infrared Observation Satellite
Ícone de esboço Este artigo sobre satélites é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.