Temor e Tremor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Temor e Tremor (Dinamarquês: Frygt og Bæven) é um livro do filósofo dinamarquês Sören Kierkegaard. Foi publicado em 1843, sob o pseudônimo de Johannes de Silentio.

Resenha[editar | editar código-fonte]

O título foi aparentemente retirado de Filipenses 2:12: ... operai a vossa salvação com temor e tremor'. A perspectiva trabalhada em Temor e Tremor é de cunho religioso e, na dialética existencial de Sören Kierkegaard apresenta o homem ético representado pela figura bíblica de Abraão que a medida que se coloca a acreditar no em Deus, dá o salto da , onde vivencia o crer sem ver, e o viver pela experiência com o próprio Deus.

A perspectiva bíblica difere da abordagem filosófica/religiosa de Kierkegaard, pois o termo 'temor'[1] é empregado na carta aos filipenses como figura de linguagem com o significando 'palavra de Deus', e o termo 'tremor' como obediência Êxodo 20:20 comparado com Salmo 119:11; Salmo 34:11; Is 29:13. Quando alguém vive segundo a palavra do Senhor significa que 'treme' da sua palavra Isaías 66:5.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Referências

  1. Temor e Tremor (em português). estudobiblico.org. Página visitada em 26 de janeiro de 2014.