Tempestade do dia de Colombo em 1962

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tempestade do dia de Colombo de 1962
Carta sinótica do noroeste dos Estados Unidos e o sudoeste do Canadá mostrando a chegada da tempestade do dia de Colombo de 1962
Carta sinótica do noroeste dos Estados Unidos e o sudoeste do Canadá mostrando a chegada da tempestade do dia de Colombo de 1962
Tipo de tempestade: Ciclone extratropical
Formada: 3 de Outubro de 1962
Dissipada: 17 de Outubro de 1962
Quantidade
máxima1
:
Desconhecida
Menor
pressão
:
960 mbar (hPa)
Danos: 230 milhões de dólares (1962 USD)
Fatalidades: 46 diretas
Áreas afetadas: Estados Unidos da América (região noroeste) e Canadá (Colúmbia Britânica)

1Nevada máxima ou formação de gelo

A tempestade do dia de Colombo de 1962 (também conhecido regionalmente como Grande sopro) foi um intenso ciclone extratropical que está listado entre os mais intensos ciclones a atingir a região noroeste dos Estados Unidos. A tempestade também foi a mais intensa a atingir a região desde 1948 e provavelmente desde 9 de Janeiro de 1880. A tempestade, que atingiu a costa noroeste de Washington e a Ilha de Vancouver em 12 de Outubro, é o mais intenso ciclone extratropical a atingir os Estados Unidos no Século XX, considerando-se os ventos. A intensidade do ciclone extratropical é comparável a um furacão de categoria 3 na escala de furacões de Saffir-Simpson. A tempestade foi batizada como a tempestade do dia de Colombo por ter atingido a região em 12 de Outubro, Dia de Colombo na América do Norte, data que comemora a chegada de Cristóvão Colombo na América em 12 de Outubro de 1492.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:

Referências

  1. The "Big Blow" of Columbus Day 1962 (em inglês) Wolf Read. (16 de Fevereiro de 2001). Página visitada em 22 de Junho de 2008.
Ícone de esboço Este artigo sobre Meteorologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.