Templo de Bulguksa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pix.gif Gruta de Seokguram e Templo de Bulguksa *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Korea-Gyeongju-Bulguksa-12.jpg
Templo de Bulguksa
País Coreia do Sul
Critérios (i)(iv) UNIQ74b703c174ed19e7-nowiki-00000001-QINU1UNIQ74b703c174ed19e7-nowiki-00000002-QINU
Referência 736
Coordenadas 35° 46′ N 129° 20′ E[1]
Histórico de inscrição
Inscrição 1995 [1]   (? sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.

O Bulguksa é um templo budista em Gyeongju, na Coreia do Sul, antiga capital do Reino de Silla. Neste templo encontram-se sete tesouros nacionais da Coreia do Sul, incluindo os pagodes de Dabotap e Seokgatap, a Cheongun-gyo (Ponte da Nuvem Azul) e duas estátuas de buda de bronze banhado a ouro. O templo é considerado uma obra de arte do apogeu do budismo no Reino de Silla.[2]

O Bulguksa era um pequeno templo que o Rei Beop-heung, ergueu para rezar pela prosperidade e paz no seu reinado. Actualmente o templo encontra-se como era em 1251, quando ele foi restaurado.[2]

O Templo de Bulguska, juntamente com a Gruta de Seokguram, foi declarado Património Mundial da Unesco em 1995.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c Dados retirados do website "whc.unesco.org"
  2. a b Dados retirados do website "Sobre a Coréia"
Commons
O Commons possui multimídias sobre Templo de Bulguksa
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Templo de Bulguksa