Templo de Tuxtla Gutiérrez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Templo de Tuxtla Gutiérrez
Templo de Tuxtla Gutiérrez
Local Tuxtla Gutiérrez
Região Chiapas
País México
Religião A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias



Início da construção 25 de fevereiro de 1999
Fim da construção 12 de março de 2000


O Templo de Tuxtla Gutiérrez é um templo de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Foi o 75 templo construído pela Igreja e é um dos 12 templos mórmons construídos no México.

Tuxtla Gutiérrez é a capital de Chiapas, estado do sul do México e é uma área famosa pelas suas inúmeras ruínas arqueológicas. A cidade em si está situada em um vale entre as montanhas. Em abril de 1998, Gordon B. Hinckley anunciou que a Igreja iria construir trinta e dois templos menores em todo o mundo antes do final de 2000. O Templo de Tuxtla Gutiérrez foi um desses pequenos templos e foi saudado por muitos membros da Igreja local. Devido ao terreno montanhoso, as visitas dentro e fora da área são difíceis, sendo que o templo mórmon mais próximo de Tuxtla Gutiérrez é o Templo da Cidade do México. O templo em Tuxtla Gutiérrez serve mais de 18.000 membros no sudeste do México.

James E. Faust, segundo conselheiro na Primeira Presidência Mórmon, dedicou o Templo de Tuxtla Gutiérrez em 12 de março de 2000, com mais de 3.300 membros presentes as quatro sessões dedicatórias. O Templo de Tuxtla Gutiérrez fica em 1,56 hectares (6.300 m²) próximo a uma capela. O exterior é feito com mármore branco e possui um design de torre única com uma estátua de ouro do anjo Moroni no topo. O templo tem uma área total de 10.700 pés quadrados (990 m²), duas salas para ordenanças, e duas salas de selamento.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um Templo mórmon, integrado ao Projeto Santos dos Últimos Dias é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.