Temporada 1974-75 da NHL

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A temporada 1974–75 da NHL foi a 58.ª temporada da National Hockey League (NHL). Dezoito times jogaram 80 jogos. Com a adição de dois novos times, o Washington Capitals e o Kansas City Scouts, a NHL aumentou o número de jogos de 78 para 80 e dividiu a liga em quatro divisões e duas conferências.

Como as novas conferências e divisões tinham pouco a ver com a geografia norte-americana, referências geográficas foram também removidas até 1993. A Divisão Leste transformou-se em Conferência Príncipe de Gales e consistiu na Divisão Adams e na Divisão Norris e a Divisão Oeste tornou-se a Conferência Clarence Campbell e consistiu na Divisão Patrick e na Divisão Smythe. As Divisões Patrick e Norris trocariam de Conferência a partir da temporada 1980-81. Essa posterior expansão foi considerada por muitos mal concebida, e com a World Hockey Association (WHA) continuando a drenar os talentos, os Capitals tiveram o pior desempenho em uma temporada na história do hóquei profissional, e o terceiro pior na era pós-guerra na temporada seguinte, enquanto os Scouts teriam o quinto pior desempenho na era pós-guerra na temporada seguinte.

No início de 1975, os jornais noticiaramn que o California Golden Seals e o Pittsburgh Penguins seriam relocados para Denver e Seattle respectivamente, em um arranjo que veria os dois times vendidos para grupos naquelas cidades que já haviam conseguido franquias "condicionais" para a temporada 1976-77. Após sempre ter rejeiutado tentativas de relocação de franquias anteriormente, o presidente da liga Clarence Campbell viu isso como um método pelo qual a NHL poderia se livrar de dois problemas de mercados, enquanto honraria os compromissos de expansão que havia feito.

Temporada Regular[editar | editar código-fonte]

Pela primeira vez na história da National Hockey League, houve um empate triplo no primeiro lugar geral. Os respectivos líderes divisionais da Norris, Patrick, e Adams tiveram 113 pontos. O Vancouver Canucks, que esteve jogado na original Divisão Leste desde sua estreia na liga, foi movido para a Conferência Campbell e liderou o caminho na Divisão Smythe com meros 86 pontos. Bobby Orr liderou a artilharia pela segunda vez, o único defensor na história da NHL a atingir tal feito.

O time surpreendente do ano foi o Los Angeles Kings. Quando o novo arranjamento divisional foi anunciado, muitos especialistas em hóquei sentiram que o Montreal Canadiens estava na divisão mais fraca e brincaram dizendo que eles garantiriam a 1º posição no Natal. Todavia, os Kings, com seu estilo defensivo disciplinado e excelente atuação dos goleiros Rogie Vachon e Gary Edwards, batalhou com Montreal o ano inteiro pela 1º posição. Os Kings abriram sua temporada com vitória sobre o então campeão Philadelphia Flyers em Philadelphia e empate com os Canadiens em Montreal. Os Kings perderam apenas 2 dos primeiros 26 jogos, e no Natal, Montreal tinha uma liderança de apenas 2 pontos. Quando L.A. venceu em Montreal no meio de janeiro, eles voltaram à primeira posição. Os times continuaram a batalhar, com os Canadiens finalmente garantindo a primeira colocação com 3 jogos por jogar.

Classificação Final[editar | editar código-fonte]

Nota: PJ = Partidas Jogadas, V = Vitórias, D = Derrotas, E = Empates, Pts = Pontos, GP = Gols Pró, GC = Gols Contra,PEM=Penalizações em Minutos
Times que se classificaram aos play-offs estão destacados em negrito

Conferência Príncipe de Gales[editar | editar código-fonte]

Divisão Adams J V D E Pts GP GC PEM
Buffalo Sabres 80 49 16 15 113 354 240 1229
Boston Bruins 80 40 26 14 94 345 245 1153
Toronto Maple Leafs 80 31 33 16 78 280 309 1079
California Golden Seals 80 19 48 13 51 212 316 1101
Divisão Norris J V D E Pts GP GC PEM
Montreal Canadiens 80 47 14 19 113 374 225 1155
Los Angeles Kings 80 42 17 21 105 269 185 1185
Pittsburgh Penguins 80 37 28 15 89 326 289 1119
Detroit Red Wings 80 23 45 12 58 259 335 1078
Washington Capitals 80 8 67 5 21 181 446 1085

Conferência Clarence Campbell[editar | editar código-fonte]

Divisão Patrick J V D E Pts GP GC PEM
Philadelphia Flyers 80 51 18 11 113 293 181 1969
New York Rangers 80 37 29 14 88 319 276 1053
New York Islanders 80 33 25 22 88 264 221 1118
Atlanta Flames 80 34 31 15 83 243 233 915
Divisão Smythe J V D E Pts GP GC PEM
Vancouver Canucks 80 38 32 10 86 271 254 965
St. Louis Blues 80 35 31 14 84 269 267 1275
Chicago Black Hawks 80 37 35 8 82 268 241 1112
Minnesota North Stars 80 23 50 7 53 221 341 1106
Kansas City Scouts 80 15 54 11 41 184 328 744

Artilheiros[editar | editar código-fonte]

PJ = Partidas Jogadas, G = Gols, A = Assistências, Pts = Pontos, PEM = Penalizações em Minutos

Jogador Time PJ G A Pts PEM
Bobby Orr Boston Bruins 80 46 89 135 101
Phil Esposito Boston Bruins 79 61 66 127 62
Marcel Dionne Detroit Red Wings 80 47 74 121 14
Guy Lafleur Montreal Canadiens 70 53 66 119 37
Pete Mahovlich Montreal Canadiens 80 35 82 117 64
Bobby Clarke Philadelphia Flyers 80 27 89 116 125
Rene Robert Buffalo Sabres 74 40 60 100 75
Rod Gilbert New York Rangers 76 36 61 97 22
Gilbert Perreault Buffalo Sabres 68 39 57 96 36
Rick Martin Buffalo Sabres 68 52 43 95 72

Goleiros Líderes[editar | editar código-fonte]

PJ = Partidas Jogadas, MJ=Minutos Jogados, GC = Gols Contra, TG = Tiros ao Gol, MGC = Média de gols contra, V = Vitórias, D = Derrotas, E = Empates, SO = Shutouts

Player Team PJ MJ GC MGC V D E SO
Bernie Parent Philadelphia Flyers 68 4041 137 2.03 44 14 10 12
Rogatien Vachon L.A. Kings 54 3239 121 2.24 27 14 13 6
Gary Edwards L.A. Kings 27 1561 61 2.34 15 3 8 3
Chico Resch N.Y. Islanders 25 1432 59 2.47 12 7 5 3
Roger Crozier Buffalo Sabres 23 1260 55 2.62 17 2 1 3
Ken Dryden Montreal Canadiens 56 3320 149 2.69 30 9 16 4
Tony Esposito Chicago Black Hawks 58 4219 193 2.74 34 30 7 6
Billy Smith N.Y. Islanders 58 3368 156 2.78 21 18 17 3
Dan Bouchard Atlanta Flames 40 2400 111 2.78 20 15 5 3
Phil Myre Atlanta Flames 40 2400 114 2.85 14 16 10 5

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Todas datas em 1975

Com a nova estrutura de conferências e divisões, os playoffs de 1975 tiveram um novo formato. Os playoffs foram expandidos de 8 para 12 times, com os 3 primeiros times de cada divisão atingindo os playoffs. Os times que ficassem em primeiro em cada divisão seriam bye na primeira rodada, enquanto o segundo e o terceiro de cada divisão seriam classificados de 1-8 com base em seu desempenho na temporada regular, jogando em série melhor de 3. Os quatro vencedores das divisões então se juntariam aos 4 vencedores das séries nas quartas-de-final, e eles seriam novamente reclassificados de 1-8 baseado no desempenho da temporada regular. Essa reclassificação aconteceria novamente nas semifinais, e é utilizada no formato atual de playoffs (embora não tenha sido utilizado entre 1982 e 1993). Os proponentes dessa reclassificação alegam que isso faz da temporada regular mais importante ao recompensar times com melhores desempenhos com confrontos potencialmente mais fáceis. Além disso, evita-se uma chance potencial de dois times com baixa classificação (que podem ter passado pela fase preliminar de playoffs) se enfrentarem na fase seguinte enquanto duas equipes melhor classificadas duelam entre si (o que é possível no formato de playoff como na NBA). O maior beneficiário desse modelo foi o Vancouver Canucks, que havia ficado em nono na temporada regular mas recebeu um bye na primeira rodada por vencer a relativamente fraca Divisão Smythe. Quem sofreu com isso foi o Los Angeles Kings, que teve o quarto lugar geral no desempenho mas teve de jogar na arriscada série preliminar, onde foi derrotado pelo Toronto Maple Leafs por 2 jogos a 1.

Durante os playoffs da Stanley Cup de 1975, o New York Islanders, disputando seus primeiros playoffs desde sua estreia na Temporada 1972–73 da NHL, quase conseguiu uma incrível série de zebras para chegar às finais da Stanley Cup. Após surpreender o New York Rangers por 2 a 1 na fase preliminar, os Islanders viram-se perdendo para o Pittsburgh Penguins por 3 a 0 na série melhor-de-sete das quartas-de-final. Os Islanders conseguiram vencer os quatro jogos seguintes e ganharam a série por 4-3. Os únicos outros times da NHL a conseguir tal feito de virar uma série de 3-0 para 4-3, foram o Toronto Maple Leafs nas Finais da Stanley Cup de 1942 e o Philadelphia Flyers em 2010. Na fase semifinal dos playoffs, os Islanders quase fizeram isso novamente. Reagindo de um outro déficit de 3-0 na série, eles venceram os três jogos seguintes para forçar um sétimo jogo contra o então campeão da Stanley Cup Philadelphia Flyers. Os Flyers ganharam o decisivo Jogo 7 em casa para ganhar a série e continuaram seu caminho para vencer a Stanley Cup.

Finais[editar | editar código-fonte]

O Philadelphia Flyers bateu o Buffalo Sabres por 4 jogos a 2 para sua segunda consecutiva Stanley Cup.

Tabela dos Playoffs[editar | editar código-fonte]

  Fase preliminar Quartas-de-final Semifinais Final da Stanley Cup
                                     
        
  1  Philadelphia Flyers 4  
    12  Toronto Maple Leafs 0  
4  Los Angeles Kings 1
12  Toronto Maple Leafs 2  
  1  Philadelphia Flyers 4  
  8  New York Islanders 3  
6  Pittsburgh Penguins 2  
10  St. Louis Blues 0  
  6  Pittsburgh Penguins 3
    8  New York Islanders 4  
7  New York Rangers 1
8  New York Islanders 2  
  1  Philadelphia Flyers 4
  2  Buffalo Sabres 2
        
        
  2  Buffalo Sabres 4
    11  Chicago Black Hawks 1  
5  Boston Bruins 1
11  Chicago Black Hawks 2  
  2  Buffalo Sabres 4
  3  Montreal Canadiens 2  
        
        
  3  Montreal Canadiens 4
    9  Vancouver Canucks 1  
      

Prêmios da NHL[editar | editar código-fonte]

Prêmios de 1974-75 da NHL
Troféu Príncipe de Gales: Buffalo Sabres
Taça Clarence S. Campbell: Philadelphia Flyers
Troféu Art Ross: Bobby Orr, Boston Bruins
Troféu Memorial Bill Masterton: Don Luce, Buffalo Sabres
Troféu Memorial Calder: Eric Vail, Atlanta Flames
Troféu Conn Smythe: Bernie Parent, Philadelphia Flyers
Troféu Memorial Hart: Bobby Clarke, Philadelphia Flyers
Jack Adams Award: Bob Pulford, Los Angeles Kings
Troféu Memorial James Norris: Bobby Orr, Boston Bruins
Troféu Memorial Lady Byng: Marcel Dionne, Detroit Red Wings
Prêmio Lester B. Pearson: Bobby Orr, Boston Bruins
Prêmio Mais/Menos da NHL: Bobby Orr, Boston Bruins
Troféu Vezina: Bernie Parent, Philadelphia Flyers
Troféu Lester Patrick: Donald M. Clark, William L. Chadwick, Thomas N. Ivan

Times das Estrelas[editar | editar código-fonte]

Primeiro Time   Position   Segundo Time
Bernie Parent, Philadelphia Flyers G Rogie Vachon, Los Angeles Kings
Bobby Orr, Boston Bruins D Guy Lapointe, Montreal Canadiens
Denis Potvin, New York Islanders D Borje Salming, Toronto Maple Leafs
Bobby Clarke, Philadelphia Flyers C Phil Esposito, Boston Bruins
Guy Lafleur, Montreal Canadiens RW Rene Robert, Buffalo Sabres
Rick Martin, Buffalo Sabres LW Steve Vickers, New York Rangers

Estreias[editar | editar código-fonte]

O seguinte é uma lista de jogadores importantes que jogaram seu primeiro jogo na NHL em 1974-75 (listados com seu primeiro time):

Últimos Jogos[editar | editar código-fonte]

O seguinte é uma lista de jogadores importantes que jogaram seu último jogo na NHL em 1974-75 (listados com seu último time):

NOTA: Ullman terminaria sua carreira profissional na World Hockey Association.

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

Precedido por
1973-74
Anexo:Lista de temporadas da NHL
1974-75
Sucedido por
1975-76